Navigation Menu

Featured Post

Ad Block

Recent Posts

FOX Premium exibe “Law and Order: True Crime”, que conta sobre assassinato que chocou os EUA

Resultado de imagem para law and order true crime

Por Victoria Hope


Law & Order True crime irá contar a conturbada história dos irmãos Mendenez


Uma das franquias de maior sucesso  finalmente chega ao Fox Premium. Law & Order True Crime, é um spin off da aclamada série clássica, porém traz a tona os casos reais  mais controversos na história da justiça norte americana.

O tema da vez é o caso dos Irmãos Mendenez, conhecidos pelo cruel assassinato de seus próprios pais. Até mesmo hoje nos Estados Unidos o caso gera controvérsia, pois ambos acusados afirmaram veemente que foram vítimas de abuso sexual nas mãos de seu pai e que sua mãe era mentalmente instável.

Na época em que o caso ocorreu, nenhum dos dois irmãos conseguiu o direito a liberdade condicional, recebendo a voz de prisão perpétua. A série irá contar um pouco sobre o lado dos irmãos criminosos e irá mostrar a saga da advogada Leslie Abramson (Edie Falco, ganhadora do Emmy), que está determinada a defender o caso dos rapazes em um dos casos que nos anos 90 se tornou uma obsessão tanto para a mídia quanto a população.

'Law & Order: True Crime' Estreia no Brasil hoje, 19 de fevereiro, às 21h45 no canal FOX Premium 1.


Sequestro do herdeiro Getty ganha série pelo canal Fox Premium

Resultado de imagem para trust série

Por Victoria Hope



O ano de 2018 volta a reacender à polêmica da família Getty, tanto no cinema, com o filme 'Todo o Dinheiro do Mundo', que está concorrendo ao Oscar na Categoria de Melhor Ator Coadjuvante quanto na televisão, na nova série 'Trust'.

Protagonizada por Brendan Fraser, Donald Sutherland e Hilary Swank, “TRUST” é dirigida por Danny Boyle e estreia no Brasil em abril, com exclusividade para o canal FOX Premium.

Com 10 episódios, a série "Trust" conta a história do sequestro e pedido de resgate multimilionário do jovem John Paul Getty III, herdeiro da fortuna de petróleo da família Getty, quando foi capturado em Roma em 1973. A série traça o pesadelo do jovem Getty nas mãos de sequestradores que não conseguiam entender por que ninguém queria recuperar seu refém.

Até hoje discute-se o papel da polícia italiana nesse caso, pois no começo, a equipe acreditava que o sequestro do jovem de 16 anos era apenas um blefe, mas tudo muda quando uma foto do garoto sem uma de suas orelhas, circula pelos jornais do mundo inteiro e resta à mãe de John, descobrir uma forma de resgatar seu filho, afinal seu esposo, pai do garoto, estava envolvido com o mundo das drogas e seu avô, o homem mais rico do mundo, pouco parecia se importar.

Esse caso é até hoje um dos mais importantes da área de justiça internacional e jornalismo, principalmente, pois o papel de ambos para a solução do sequestro, serviu de exemplo para mostrar como a comunicação é importante e como é fácil manipular ou fabricar informações em nome do dinheiro.

Resultado de imagem para trust série
Brendan Frase / Trust

'Com amor, Simon', adaptação de bestseller LGBT, ganha seu primeiro trailer


Por Victoria Hope


"Ame honestamente. Ame sem medo. Ame completamente." é uma das belíssimas mensagens da mais nova aposta da 20th Century Fox.  

Com Amor, Simon (Love Simon), é talvez uma das adaptações mais aguardadas por fãs de literatura teen voltada à temática LGBT. O filme é inspirado no best seller de Becky Albertalli, chamado 'Simon Vs a Agenda Homo Sapiens, da editora Intrínseca, conhecido como um dos livros mais vendidos e amados sobre essa temática na era moderna.

A trama nos conta sobre a vida de um jovem chamado Simon Spier ( Nick Essa), que é um jovem rapaz gay, assustado demais para falar abertamente sobre sua homossexualidade para sua família e amigos. Para ele, sua vida não tinha mais sentido, pois ele preferia viver de forma reclusa no bom e velho 'armário', a ser humilhado por todos ao seu redor, mas tudo isso  muda quando ele se apaixona por um colega de classe através de um bate papo anônimo na Internet.

Logo em seguida, acompanhamos a aventura divertidíssima, romântica e por momentos, sensível de Simon em busca do seu amado anônimo pelos corredores da escola e em meio tempo, aprendemos sobre as alegrias e tristezas na vida de um adolescente gay que irá lutar por sua própria felicidade.

Assista ao trailer aqui: Com Amor, Simon

Love Simon / 20th Century Fox

Um dos grandes elogios por parte dos leitores da obra é de que o livro subverte todos os esteriótipos já vistos antes em obras com a temática LGBT e propõe uma abordagem completamente nova, mais leve e divertida, mas sem tirar a seriedade do assunto 'coming of age', que pode ser traduzido como  a saga de amadurecimento na vida dos adolescentes. Outro ponto positivo da trama é a quantidade de personagens diversificados que podem ser encontrados tanto no livro quanto no filme!

No elenco, temos Nick Robinson no papel do protagonista e a atriz Katherine Langford, conhecida por protagonizar a série 'Os 13 Porquês', da Netflix. Já a direção fica por conta de Greg Berlanti, conhecido por Dawson's Creek e a premiada 'Brothers & Sisters e por fim, o roteiro fica por conta de Elizabeth Berger e Isaac Aptaker (This Is Us).


'Com amor, Simon, chega aos cinemas brasileiros em 22 de março.

[REVIEW] Mudbound - Lágrimas sobre o Missisipi

Resultado de imagem para mudbound lagrimas

Por Victoria Hope



Em tempos conturbados, Mudbound, filme original da Netflix que está concorrendo a 4 Oscars é um lembrete de que a escravidão é uma ferida ainda exposta na América e no mundo, e que infelizmente continuará assim até as próximas gerações. Uma das grandes apostas do streaming, 'Lágrimas sobre o Mississipi' resgata a triste memória da Segunda Guerra Mundial e da segregação racial nos Estados Unidos.

No filme, conhecemos a história de dois personagens, Ronsel, um jovem negro que vive em uma fazenda com sua família que trabalha na lavoura, enquanto outro rapaz, branco, chamado Jamie, é um bonafide, amante das artes, teatro e vive com sua família no centro da cidade, longe da área rural.

O clima de tensão racial já é anunciado desde a primeira cena do filme, onde Jamie e seu irmão mais velho, enterram o corpo de seu pai, Pappy McAllan em meio a lama, quando de repente, o mais velho encontra um esqueleto afundado na terra e pragueja 'Não vou enterrar meu pai no túmulo de um preto!'

A partir desse momento, a tensão toma conta do filme e presenciamos diversas histórias que de início parecem não ter relação alguma, mas que aos poucos vão se entrelaçando e cruzando até o momento em que se unem em uma só trama. 

Vez ou outra somos bombardeados por imagens da guerra, com tanques e aviões para todos os lados, enquanto do outro lado, acompanhamos a mudança de Laura, esposa do McAllan mais velho, da cidade para a zona rural.

Em dado momento, descobrimos que tanto Jamie quanto Ronsel são recrutados para lutar na guerra, sendo o primeiro rapaz, designado aos aviões e ao título de capitão e o segundo, jovem, Ronsel, designado aos tanques, com a patente de sargento. 


Resultado de imagem para mudbound lagrimas
Ronsel e Jamie / Diamond Films

Ambos são jovens promissores e lutam na guerra a seu modo, saindo vitoriosos no final. Enquanto Ronsel reluta a voltar ao Mississipi, pois encontrou o amor de sua vida na Alemanha (uma jovem branca), Jamie batalha com  seus demônios internos, incluindo a PTSD ( Stress pós traumático), por conta da Guerra e das mortes que presenciou.

Eles voltam  para suas casas, mas Ronsel logo percebe que na América, nada mudou, pois mesmo fardado, ainda é obrigado a sentar-se no banco de trás do ônibus e sair pela porta dos fundos, resultado de uma das leis da antiga segregação nos EUA que durou até os anos 70. 

Quando pensamos que nada poderia mudar na vida de ambos os jovens, algo muito bom acontece e nasce uma amizade entre os dois veteranos, mas é claro que em tempos de segregação racial, os cidadãos da retrógrada zona rural americana não aceitariam tal relação e é aí que as coisas começam a ficar bem complicadas.

A diretora Dee Res surpreende em suas escolhas de roteiro, fotografia e trilha sonora; todos belíssimos, além dos destaques nas atuações do elenco, incluindo Mary J Blidge que está concorrendo ao Oscar por seu papel no longa. Ela acerta muito em trazer os sentimentos dos espectadores à flor da pele e surpreende, com um final que para muitos poderá parecer fraco e previsível, mas que para espectadores negros, como eu, fez uma diferença enorme. 

Nota: 5/5

OSCAR 2018 | Conheça os indicados


Por Victoria Hope

90ª Edição da premiação acontece em Março e já tem favorito: A forma da Água


Nesta Terça feira (23), foi liberada a lista de indicados ao Oscar 2018, a maior premiação de cinema do ano, que irá ser transmitida no dia 3 de Março ao vivo pelo canal TNT! 

Em uma mini cerimônia, que contou com a presença do ator Andy Serkis e pela atriz Tiffany Haddish, foram anunciados todos os concorrentes do ano que ganharam até mesmo diversas surpresas: Yance Ford foi o primeiro homem trans a ser nomeado a uma categoria Melhor Trilha Sonora e Greta Gerwig é a quinta mulher a ser indicada na categoria de melhor diretor(a), com seu filme de estreia!

Alguns dos destaques na lista de favoritos desse ano são: A Forma da Água, de Guillermo Del Toro, que concorre à 13 categorias, seguida de Corra! dirigido por Jordan Peele, Lady Bird, por Greta Gerwig e Dunkirk, por Christopher Nolan!

Vale destacar também que a 90ª edição será a primeira a trazer dois homens negros concorrendo juntos na categoria de Melhor Ator, uma mulher, um homem negro e um homem mexicano concorrendo juntos na categoria de Melhor Diretor (a) e o brasileiro Carlos Saldanha concorre ao prêmio de Melhor Animação por 'Ferdinando'.

Lista completa

Melhor Filme

"Dunkirk"
"Me chame pelo seu nome"
"O destino de uma nação"
"Corra!"
"Lady Bird - É hora de voar"
"Trama Fantasma"
"The Post - A Guerra Secreta"
"A forma da água"
"Três anúncios para um crime"


Resultado de imagem para get out
Get Out / Jordan Peele

Melhor Diretor

Christopher Nolan ("Dunkirk")
Jordan Peele ("Corra!")
Greta Gerwig ("Lady Bird: É hora de voar")
Paul Thomas Anderson ("Trama fantasma")
Guillermo del Toro ("A forma da água")


Resultado de imagem para guillermo del toro shape of
A Forma da Agua / Guilhermo Del Toro

Melhor Ator

Timothée Chalamet ("Me chame pelo seu nome")
Daniel Day-Lewis (“Trama Fantasma")
Daniel Kaluuya ("Corra!)
Gary Oldman ("O destino de uma nação")
Denzel Washington ("Roman J. Israel, Esq.")


Imagem relacionada
Call Me By Your Name / Luca Guadagnino

Melhor Atriz

Sally Hawkins ("A forma da água")
Frances McDormand ("Três anúncios para um crime")
Margot Robbie ("Eu, Tonya")
Saoirse Ronan ("Lady Bird: É hora de voar")
Meryl Streep ("The Post - A Guerra Secreta")


Resultado de imagem para margot robbie i tonya
I, Tonya / Craig Gillespie

Melhor Roteiro Adaptado

"Artista do desastre" (Scott Neustadter e Michael H. Weber)
"Me chame pelo seu nome" (James Ivory)
"A Grande Jogada" (Aaron Sorkin)
"Logan" (Scott Frank, James Mangold e Michael Green)
"Mudbound" (Virgil Williams and Dee Rees)


Imagem relacionada
Logan / James Mangold

Melhor Roteiro Original

"Lady Bird: É hora de voar" (Greta Gerwig)
"Doentes de Amor" (Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani)
"Corra!" (Jordan Peele)
"A forma da água" (Guillermo del Toro)
"Três anúncios para um crime" (Martin McDonagh)


Imagem relacionada
Três anúncios para um crime / Martin McDonagh

Melhor Ator Coadjuvante

Willem Dafoe ("Projeto Flórida")
Woody Harrelson ("Três anúncios para um crime")
Richard Jenkins ("A forma da água")
Sam Rockwell ("Três anúncios para um crime")
Christopher Plummer ("Todo o Dinheiro do Mundo")


Imagem relacionada
Todo o Dinheiro do Mundo / Ridley Scott

Melhor atriz coadjuvante

Allison Janney ("Eu, Tonya")
Mary J. Blige ("Mudbound")
Lesley Manville ("Trama Fantasma")
Laurie Metcalf ("Lady Bird: É hora de voar")
Octavia Spencer ("A forma da água")


Imagem relacionada
A Forma Da Água / Guillermo Del Toro

Melhor Filme em Língua Estrangeira

"Uma Mulher Fantástica" (Chile)
"O Insulto" (Líbano)
"Sem amor" (Rússia)
"Corpo e Alma" (Hungria)
"The Square: A arte da discórdia" (Suécia)


Resultado de imagem para uma  mulher fantastica chile
Uma Mulher Fantástica / Sebastián Lelio

Melhor Design de Produção

“Blade Runner 2049”
“A bela e a fera”
"O destino de uma nação"
"Dunkirk"
“A forma da água"


Imagem relacionada
Blade Runner 2049 / Ridley Scott

Melhor Fotografia

"O destino de uma nação" (Bruno Delbonnel)
“Blade Runner 2049” (Roger Deakins)
“Dunkirk” (Hoyte van Hoytema)
“Mudbound” (Rachel Morrison)
“A forma da água” (Dan Laustsen)


Resultado de imagem para dunkirk
Dunkirk / Christopher Nolan

Melhor Figurino

"A bela e a fera"
"O destino de uma nação"
"Trama Fantasma"
"A forma da água"
"Victória e Abdul"


Resultado de imagem para victoria abdul
Victoria & Abdul / Stephen Frears

Melhor Canção

"Remenber me" ("Viva - A vida é uma festa")
"Mighty river" (Mudbound)
Mystery of love ("Call me by your name")
"Stand up for something" ("Marshall")
"This is me" ("O rei do show")


Resultado de imagem para coco disney
'Viva!A Vida é Uma Festa' / Pixar

Melhor Edição

"Em ritmo de fuga"
"Dunkirk"
"Eu, Tonya"
"A forma da água"
"Três anúncios para um crime"


Imagem relacionada
Baby Driver / Edgar Wright

Melhor Animação

"O poderoso chefinho"
"The Breadwinner"
"Viva: A vida é uma festa"
"O Touro Ferdinando"
"Com Amor, Van Gogh"


Resultado de imagem para loving vincent
Com amor, Vincent / Dorota Kobiela, Hugh Welchman

Melhor Mixagem de Som

"Star Wars: Os últimos Jedi"
"Em ritmo de fuga"
"Blade Runner 2049"
"Dunkirk"                                                                                                                            "A forma da Água


Imagem relacionada
The Last Jedi / Rian Johnson

Melhor curta

"Dekalb Elementary"
"The 11 o' clock"
"My Nephew Emmett"
"The silent Child"
"Waty Wote/All of us"


Resultado de imagem para my nephew emmett
My Nephew Emmet / Kevin Wilson Jr.


Melhor Trilha Sonora

"Dunkirk"
"Trama Fantasma"
"A forma da água"
"Star Wars: Os últimos Jedi"
"Três anúncios para um crime"
Melhor documentário
"Abacus: Pequeno o bastante para condenar"
"Visages villages"
"Ícaro"
"Últimos homens em Aleppo"
"Strong Island"

Resultado de imagem para strong island
Strong Island / Yance Ford

Melhor documentário em curta-metragem

"Edith+Eddie"
"Heaven is a traffic jam on the 405"
"Heroin(e)"
"Knife Skills"
"Traffic Stop"


Resultado de imagem para eddith eddie
Edith + Eddie / Laura Checkoway


Melhor maquiagem e cabelo

"O destino de uma nação"
"Victoria e Abdul"
"Extraordinário"


Imagem relacionada
Extraordinário / Stephen Chbosky

Melhores efeitos visuais

"Blade Runner 2049"
"Guardiões da galáxia Vol. 2"
"Kong: A ilha da caveira"
"Star Wars: Os últimos Jedi"
"Planeta dos Macacos: A guerra"


Resultado de imagem para planeta dos macacos a guerra
Planeta dos Macacos: A Guerra / Matt Reeves

[REVIEW] Todo O Dinheiro Do Mundo

Imagem relacionada

Por Victoria Hope


É impossível falar obre esse filme sem antes mencionar o caso que fez com que o filme inteiro mudasse da água para o vinho. Desde seu anúncio, 'Todo o Dinheiro do Mundo', dirigido pelo aclamado Ridley Scott não saiu dos tabloides, afinal, Kevin Spacey, estaria à frente do filme no papel do magnata Getty, porém, com as acusações de assédio, o elenco foi rapidamente modificado e quem teve a chance de interpretar o frio bilionário foi o veterano Christopher Plummer.

O filme inteiro foi regravado com Christopher e o resultado não poderia ser mais magnífico. Não é a toa que o filme concorreu a três categorias no Globo de Ouro desse ano e também está concorrendo na lista do Oscar 2018!

Com base em fatos reais, conhecemos a história do neto mais velho de J. Paul Getty, um investidor que entre os anos 60 e 70 ficou conhecido como o homem mais rico do mundo. Por conta de sua enorme fortuna, milhares de pessoas ao redor do mundo tramavam para conseguir uma pequena quantia de seu dinheiro.

Resultado de imagem para all the money in the world
Michelle Williams mais forte que nunca em um papel emocionante / Diamond Films 

Mas conhecendo a índole do magnata, as pessoas raptaram um de seus membros da família mais queridos e em troca, pediram uma enorme quantia de dinheiro para o resgate, porém, ao longo do filme, percebemos que Getty tão pouco ligava para o que havia acontecido com seu querido neto, afinal, não tinha tempo a perder e no sentido literal para o milionário, tempo era dinheiro.

Com atuações impecáveis de Michelle Williams e Christopher Plummer, o filme aborda temas como corrupção, polarização de lados políticos, sexismo entre outros temas que apesar de antigos, hoje continuam tão pertinentes quanto no passado. O tempo todo vemos as relações do dinheiro com o poder e de até onde as pessoas iriam para conseguir o que querem.

Imagem relacionada
Christipher Plummer magnifico no papel de J. Paul Getty  / Diamond Films
Em uma performance visceral, o premiado Christopher Plummer instiga, causa revolta e ao mesmo tempo inspira ao trazer o enigmático Paul Getty como um homem de cultura, apaixonado por arte, porém com um coração gelado, que pouco se importa com o que aconteça com os outros membros de sua família, contanto que seu dinheiro continuasse intacto, mas é claro, o homem por trás da lenda não é de todo mal e isso você poderá conferir melhor no filme.

Outro grande destaque é Michelle Williams, no papel da mãe de Paul 2º, neto de J. Paul. A atriz dá um banho de atuação e mostra a força de uma mulher que pouco se importava com o dinheiro, mas que queria sempre o bem estar de seus filhos, nem que para isso tivesse que conversar com seu sogro ganancioso, o homem mais rico do mundo.

Sem dúvidas o filme merece todas as premiações que está recebendo e provavelmente irá render pelo menos um Oscar ao elenco. O que poderia ter sido uma sentença de 'morte', foi uma bela surpresa e merece ser aplaudido por sua audácia em tocar na ferida que ainda assola o mundo inteiro: O Poder corrompe.

Nota: 5 / 5 

BGS 2018 | Evento de games lança a segunda edição de seu livro

Resultado de imagem para bgs
Por Victoria Hope



As férias nem bem terminaram e a Brasil Game Show já está com as mãos na massa, preparando a nova edição do evento em 2018 e com ela, chega a segunda edição do livro que conta um pouco sobre a origem e sobre todos os anos do evento.

Consolidada como a maior feira de games da América Latina, a BGS recebeu ao longo de 10 anos, cerca de 1,5 milhão de visitantes, a fim de curtir milhares de jogos, atrações exclusivas e ver grandes nomes da indústria mundial, como Hideo Kojima, Phil Spencer, Nolan Bushnell e Ed Boon. 

Foram 10 anos de puro entretenimento e para comemorar os momentos mais marcantes, o livro contará sobre os bastidores e conhecer a trajetória do evento, desde sua primeira edição, que aconteceu em 2009 no Rio de Janeiro, até a próxima que será em 2018. 

Dentro do livro, que custa, R$99, você poderá rever os principais acontecimentos da feira, as participações especiais,  lançamentos de jogos incríveis que marcaram história na BGS, além de uma matéria mais do que especial sobre a edição comemorativa, #BGS10, que aconteceu em 2017. 

Você encontra o livro disponível para compra online por aqui. :)