Navigation Menu

Nicolas Cage será Drácula em Reinfield, nova adaptação da Universal Pictures

 

Por Victoria Hope

Por essa ninguém esperava. Nicolas Cage é escalado para o papel de Drácula em 'Reinfield' da Universal, contracenando ao lado de Nicolas Hoult, que será o protagonista da história. O filme tem direção de Chris McKay. 

O longa fará parta do Universo de Monstros da Universal Pictures, mas ainda não está claro como "Renfield" assume a dinâmica enquanto os detalhes da trama são mantidos em segredo, mas o projeto é descrito como uma história de aventura moderna com tom cômico. 

Com isso, o ator está de volta oficialmente para uma grande produção de Hollywood após anos se aventurando em filmes indies e animações — inclusive, aclamadíssimas, como "Homem-Aranha no Aranhaverso", "Mandy" e "Pig". 

Nicholas Cage em 'Pig', aclamado pela crítica esse ano / Divulgação

O último grande filme de estúdio de Nicolas Cage foi "Motoqueiro Fantasma - Espírito de Vingança", de 2011. Desde então, ele ficou afastado do cinema 'pipoca mainstream', linha mais popular de Hollywood. A notícia foi anunciada nessa terça (30) pelo The Hollywood Reporter. 

O personagem de Renfield se originou no romance de Bram Stoker, "Drácula", de 1897, como um paciente em um asilo com uma obsessão por beber sangue, iludido em pensar que encontrará a imortalidade.

0 comments:

CCXP Worlds 2021 | Warner Bros. Pictures anuncia promoção de Matrix Ressurections

Por Victoria Hope

Prepare seu melhor visual à lá Matrix para acompanhar o painel especial de Matrix Ressurections, aguardada sequência de um dos clássicos sci-fi que mudaram o cinema. A Warner Bros. Pictures, em parceria com a CCXP Worlds 21, anuncia mais uma novidade para os participantes do evento. Quem acompanhar o painel virtual de Matrix Resurrections, que acontece domingo (05), poderá concorrer para ganhar uma sessão exclusiva do filme com mais 50 amigos, além de um pôster autografado pelo elenco.

Para participar da promoção, válida para maiores de 16 anos, basta compartilhar uma foto criativa no feed do Instagram assistindo ao painel, marcando a hashtag #MatrixResurrectionsNaCCXP. O regulamento completo está disponível na bio da conta oficial da Warner Bros. Pictures no Instagram (@wbpictures_br).

A CCXP Worlds 21, maior evento de cultura pop do mundo, acontece de forma virtual nos dias 4 e 5 de dezembro e a Warner encerra o evento com um mega painel no domingo, com a presença do elenco de Matrix Ressurections, Keanu Reeves, Jonathan Groff, Jada Pinkett Smith, Yahya Abdul-Mateen II, Jessica Henwick e Eréndira Ibarra.

Outras informações sobre o evento estão disponíveis em www.ccxp.com.br. Matrix Resurrections chega aos cinemas em 22 de dezembro.

0 comments:

CCXP Worlds 2021 | Mauricio de Sousa Produções ganha programação especial

 

Por Victoria Hope

De painel com novidades a masterclasses, a MSP invade a programação da CCXP com múltiplos conteúdos inéditos e exclusivos


A Mauricio de Sousa Produções é presença constante na CCXP e, nesta edição, participa com diversos conteúdos para trazer novidades e entretenimento para os fãs.

No aguardado painel da MSP, o estúdio contará todas as novidades da turminha, passando por quadrinhos, animação, cinema, anúncios das novas Graphics MSP e muito mais, incluindo uma entrevista com Mauricio de Sousa e novidades sobre o filme Turma da Mônica: Lições, que estreia em 30 de dezembro.
 
O público também poderá curtir uma visita guiada à MSP para conhecer os bastidores dessa verdadeira fábrica de sonhos, com a participação dos personagens da turminha e do próprio Mauricio, que fez um desenho dedicado aos fãs da CCXP.

Turma da Mônica: Lições / Divulgação

As masterclasses, conteúdo tradicional da CCXP, serão dedicadas a cada etapa do processo de criação da história em quadrinhos O Senhor dos Pincéis, paródia da série de filmes O Senhor dos Anéis. O diretor Daniel Rezende, de Turma da Mônica: Laços e Turma da Mônica: Lições, estará numa masterclass sobre a adaptação desses quadrinhos para o cinema.

Coincidindo com o lançamento do crossover entre a Turma da Mônica e Garfield pela Panini Comics, seus criadores Mauricio de Sousa e Jim Davis participam de um bate-papo sobre a produção de tiras, mercado de quadrinhos e outras curiosidades.

Finalmente, o público poderá acompanhar uma visita à fábrica de figurinhas colecionáveis da Panini e assistir à produção das figurinhas do álbum de Turma da Mônica: Lições.

Em 2021, o maior festival de cultura pop do planeta acontece de forma virtual nos dias 4 e 5 de dezembro. Outras informações estão disponíveis no site www.ccxp.com.br. 

Turma da Mônica: Lições / Divulgação

0 comments:

CCBB SP recebe ‘Assim Vivemos - Festival Internacional de Filmes sobre Deficiência’

 

Por Victoria Hope

Com entrada franca, o evento exibe 29 filmes inéditos de 14 países e promove debate online com participação de pessoas com e sem deficiência

Em tempos onde a representatividade é essencial, filmes sobre deficiência e inclusão de pessoas são  excelentes recursos não apenas para trazer mais diversidade para as telas, bem como para debater a necessidade da construção de uma sociedade inclusiva. Pensando nisso, o Assim Vivemos: Festival Internacional de Filmes sobre Deficiência trará a partir de 1 de dezembro, uma programação com diversos títulos inéditos relacionados ao tema. 

Depois de passar pelo Rio de Janeiro e Brasília, o Assim Vivemos – chega a São Paulo entre 1 e 20 de dezembro, trazendo histórias transformadoras protagonizadas por pessoas com deficiência. Gratuito, o mais importante e longevo evento de cinema sobre o tema terá formato híbrido com sessões virtuais e presenciais no CCBB SP. Além de quatro debates online, integram a programação 29 produções de 14 países divididos entre curtas, médias e longas-metragens. A realização é do Centro Cultural do Banco do Brasil, com patrocínio do Banco do Brasil através da Lei de Incentivo à Cultura, e produção da Cinema Falado Produções.

Educação inclusiva, sexualidade, arte, esporte e luta por direitos são alguns dos temas abordados pelas produções. O Brasil comparece com o maior número de filmes (7), seguido de cinco dos Estados Unidos, cinco da Rússia, dois da Espanha e um filme da Argentina, da Austrália, do Canadá, do Cazaquistão, da Costa Rica, da Holanda, do Irã, de Israel, da Itália e do Reino Unido.

"A 10ª Edição do Assim Vivemos chega agora a São Paulo depois das temporadas nas praças do Rio de Janeiro e de Brasília, onde cumpriu seu papel de transformar, questionar, propor reflexões e reunir pessoas. Nossa expectativa é a de repetir em São Paulo o êxito que tivemos nas outras cidades, completando assim a trajetória desta edição. Alguns personagens dos filmes brasileiros são de São Paulo e estarão conosco nas sessões, conversando e nos emocionando. Esta edição está linda e o conjunto de filmes nos apresenta um mosaico rico e diverso das questões relacionadas às deficiências." - comenta Graciela Pozzobon, diretora do festival.

SESSÕES PRESENCIAIS E VIRTUAIS 

A público poderá participar do Assim Vivemos de duas formas: na sala de cinema do CCBB SP ou acessando virtualmente parte da programação. Reaberto desde outubro do ano passado e seguindo as normas sanitárias, o Centro Cultural está preparado para receber a todos com segurança. Os ingressos devem ser retirados na bilheteria no mesmo dia de exibição.

De 1 a 13 de dezembro o CCBB recebe as sessões presenciais. Já as sessões online serão disponibilizadas aos poucos e ficarão disponíveis até o dia 20 de dezembro. A cada semana estarão no site do festival filmes relacionados aos debates semanais e na última semana, uma sessão extra.

Os 29 filmes do Assim Vivemos estão divididos em 12 programas com duração entre 57 e 94 minutos. Por dia, serão oferecidas três sessões presenciais com toda a programação e no site do festival serão disponibilizadas nove produções, sendo sete relacionadas aos temas debatidos: A força da Arte, Educação para todos, Parceria colaborativa e Em busca de uma voz. Participam das discussões pessoas com deficiência e especialistas. O link para participar será disponibilizado no site do festival (www.assimvivemos.com.br) no dia do encontro.

Mulheres surdas me contaram. Dir. Marie-Andree Boivin. Canadá / Divulgação

Filmes contarão com recursos de acessibilidade como a audiodescrição e as legendas LSE (para surdos e ensurdecidos), além interpretação em LIBRAS. Os debates ao vivo terão LIBRAS e serão disponibilizados gratuitamente através do site, assim como o catálogo digital do festival com informações, sinopses dos filmes e programação completa.

Serão oferecidos cinco prêmios do júri e um do público, destinado ao filme escolhido nas três cidades. Os membros do júri são pessoas com deficiência, artistas e profissionais e, em cada edição, o júri cria novas categorias de prêmios, a fim de destacar as qualidades específicas dos filmes premiados. O troféu foi criado pela artista cega Virginia Vendramini. A direção geral do Assim Vivemos - Festival Internacional de Filmes sobre Deficiência é de Graciela Pozzobon.

Para conferir a programação completa do Assim Vivemos, acesse: www.assimvivemos.com.br


0 comments:

Duna chega ao catálogo da HBO Max nessa sexta feira

 

Por Victoria Hope

Prepare a pipoca, pois nessa sexta (26) um dos filmes mais aguardados de 2021, Duna, passa a integrar o catálogo de conteúdos disponibilizados na HBO Max para os fãs desfrutarem de uma nova aventura, do cinema para a sua casa.

A produção, dirigida por Denis Villeneuve, é a adaptação do livro homônimo do americano Frank Herbert, considerado um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica.

Na trama, a humanidade se organiza em um império espacial e há uma disputa entre três famílias pelo controle do planeta Arrakis, única fonte de melange - também chamada apenas de "especiaria" -, que movimenta toda a economia desse universo, como uma metáfora de Frank Herbert para a exploração de petróleo. 

Duna foi escrito e dirigido por Denis Villeneuve. O filme é estrelado por Timothée Chalamet, Zendaya, Rebecca Ferguson, Oscar Isaac, entre outros talentos e já tem sequência confirmada pelos estúdios, com previsão de filmagens para o próximo ano. Confira nossa crítica completa em vídeo no canal.

0 comments:

CCXP Worlds 2021 | Warner Bros confirma participação do elenco de Matrix Ressurections em painel exclusivo

 

Por Victoria Hope

Esse momento é nosso! Durante essa quinta feira, a Warner Bros e a CCXP anunciaram oficialmente a participação do elenco de Matrix Ressurections, sequência da trilogia clássica sci-fi das irmãs Watchowski. 

Com a estreia da sequência de Matrix cada dia mais próxima, a Warner Bros. Pictures apresenta novidades para os fãs. O estúdio vai marcar presença na CCXP Worlds 21 com um painel exclusivo do filme, que fecha o evento no dia 5 de dezembro e terá a presença de parte do elenco. 

Keanu Reeves anunciou a participação por vídeo no painel, que também contará com a presença dos atores Jonathan Groff, Jada Pinkett Smith, Yahya Abdul-Mateen II, Jessica Henwick e Eréndira Ibarra. Todos participam do painel virtual exclusivo do filme no domingo (05).

Matrix Resurrections” é o quarto filme da franquia Matrix que estreou nas telonas em 1999. O longa conta ainda com os atores Carrie-Anne Moss, Neil Patrick Harris, Priyanka Chopra Jonas, Christina Ricci, Telma Hopkins, Toby Onwumere, Max Riemelt e Brian J. Smith. O filme é produzido, co-escrito e dirigido por Lana Wachowski, que co-dirigiu e co-escreveu os três filmes anteriores com sua irmã Lilly Wachowski.

Vale lembrar que os estúdios ainda contarão com mais painéis especiais que serão revelados ao longo da semana, conforme o evento se aproxima. Para saber mais, acesse o site oficial da CCXP e fique de olho em nossas redes sociais. 


0 comments:

[Coletiva] Conheça Tralala, comédia musical de Arnaud e Jean-Marie Larrieu em cartaz no Festival Varilux

 

Por Victoria Hope

E começa hoje o Festival Varilux de Cinema Francês, com 17 títulos inéditos e 2 clássicos em todos os cinemas do Brasil. Vale lembrar que o evento acontece de 25 de novembro a 8 de dezembro e para conferir a grade completa, basta acessar o site oficial do evento: https://variluxcinefrances.com/2021

Nessa quinta, tivemos um papo com os diretores do divertidíssimo e melancólico Tralala, filme dos diretores Arnaud e Jean-Marie Larrieu, que também está em cartaz no festival desse ano. Essa, inclusive é a primeira experiência em comédia musical da dupla. 

Na história, acompanhamos Tralala, um cantor de 40 anos das ruas de Paris que encontra uma jovem que lhe deixa uma única mensagem antes de desaparecer: "Acima de tudo, não seja você mesmo". Teria Tralala sonhado? Ele deixa a capital e acaba encontrando em Lourdes a mulher pela qual já estava apaixonado, mas que não se lembra dele.

CONFIRA A ENTREVISTA


Amélie: Vocês foram os responsáveis pela montagem musical de Tralala?

Arnaud e Jean: Fomos instruídos por um técnico especial na verdade. Ele foi o responsável pela supervisão de como usar os instrumentos, se a musica estava boa e se a melodia combinava. Mathieu  teve inclusive treinos com uma cantora de opera, afinal, não é qualquer pessoa que pode cantar qualquer coisa, então ele canta bem porque adaptamos as musicas a voz. Durante as filmagens até brincávamos o chamando de 'home, sem melodia'. 

Amélie: Como foi o processo de roteirização e escolha do elenco?

Arnaud e Jean: Para o roteiro, fomos obrigados a escrever nossas próprias perguntas. Nós sabíamos para quem do elenco estávamos escrevendo e cada compositor estava fixado em um ator, então dessa forma pudemos focar nas particularidades e habilidades de cada ator. Isso é muito novo pra gente. não fizemos testes com os comediantes.

Amélie: No filme, todos os personagens respiram música. Com essa temática em mente e o contexto da vida real, para vocês, o que é uma vida sem música? 

Arnaud e Jean: A vida sem música seria um inferno (risos). No fundo, a música habita muitas vezes nossa vida, mesmo que não cantemos. Ela diz muito sobre como nos sentimos, mas o que ela quer dizer como emoção para cada um? Penso que parte da emoção atrelada à musicais se dá porque ao cantar em alto e bom som, temos acesso a dignidade das pessoas, é como se uma câmera focasse no interior delas.

Nós vivemos isso durante as filmagens, uma emoção enorme em ver o elenco cantar. A musica passa por todos, começa com uma falta de pudor, um sentimento que todos podem receber em conjunto e por conta dos sentimentos dos personagens serem cantados aqui (no filme), essas emoções são mais fáceis de ser aceitas, pois o canto deixa tudo mais leve. A musica no filme (e na vida) é crucial, pois ela nos aproxima.  

0 comments:

[Coletiva] Olivier Rabourdin em uma conversa sobre Caixa Preta, suspense em cartaz no Festival Varilux

 

Por Victoria Hope

Fechando o ciclo da coletiva de imprensa, conversamos nessa quarta (24), com Olivier Rabourdin, veterano do cinema francês e um dos astros de Caixa Preta, novo hriller eteletrizante de Yann Gozlan, que também estará em cartaz no Festival Varilux de Cinema Francês, que acontece de 25 de novembro a 8 de dezembro nos cinemas.

O que aconteceu a bordo do voo Dubai-Paris antes de bater no maciço alpino? Um técnico na BEA, autoridade responsável pelas investigações de segurança na aviação civil, Mathieu Vasseur é o investigador principal desse desastre aéreo sem precedentes. Teria sido um erro do piloto? Falha técnica? Ato terrorista? A análise minuciosa das caixas pretas fará com que Mathieu conduza secretamente a sua própria investigação. Ele ainda não sabe até onde vai a sua busca pela verdade.

Na trama, Olivier interpreta o complicado Victor Pollock, personagem que se vê na mira de Mathieu durante as investigações do acidente. Em tempos onde discute-se a questão da segurança aérea, filmes como Caixa Preta, demonstram a importância da discussão entre acidentes aéreos, corrupção e como apenas uma pessoa pode ser crucial para a resolução de casos quase impossíveis de solucionar. 

 CONFIRA A ENTREVISTA


Amélie: Como você se preparou para esse papel? Acompanhou o dia a dia de profissionais da área de aviação?

Olivier: Não exatamente, mas conversei com muitas pessoas que atuam na área, fora que, meu papel principal era saber como a corrupção dentro da área funciona (risos), afinal, meu personagem está ligado a esse tema, que é muito importante de ser discutido nesse momento. 

Amélie: Como foram as filmagens com Yann Gozlan?

Olivier: Foi muito interessante. Pegue o exemplo do Matthieu (protagonista), por exemplo. Yann é tão metódico, meticuloso e organizado quanto ele.  Absolutamente nenhum detalhe escapava dos olhos dele, então ele era sempre muito preciso em suas decisões, em como ele gostaria que a cena acontecesse, desde o enquadramento a um penteado de personagem. 

Amélie: Qual aspecto do roteiro mais chamou sua a atenção para participar do projeto?

Olivier: A primeira coisa que nós fazemos é ler o roteiro antes de começar a gravar o filme e quando eu li esse, me interessei imediatamente pelo aspecto político abordado, sobre empresas que investem em produtos que não foram bem avaliados, o que pode causar catástrofes aéreas como essa abordada no filme. Esses acidentes, inclusive, muitas vezes, são abafados. 

Amélie: Essa é sua primeira vez no Brasil. Já passeou por São Paulo hoje?

Olivier: Ah sim, com certeza. Visitei o Teatro Municipal que é incrível, também conheci o MASP, que tem uma das coleções mais maravilhosas. Pretendo visitar outros lugares ao longo da semana como o Mercado Municipal. 

0 comments:

[Coletiva] Benjamin Voisin, estrela de Ilusões Perdidas, vem ao Brasil durante Festival Varilux

 

Por Victoria Hope

Um clássico de Balzac ganha uma nova adaptação francesa. Estrelado por Benjamin Voisin, o longa 'Ilusões Perdidas' também compõe a programação do Festival Varilux de Cinema Francês, que acontece de 25 de novembro a 8 de dezembro em todos os cinemas nacionais. 

Indicado para o Leão de Ouro e outras duas categorias no Festival de Veneza, o filme conta a história de Lucien, um jovem poeta desconhecido da França do século XIX. Ele tem grandes esperanças e quer escolher seu destino. Ele larga a gráfica de sua província natal para tentar a sorte em Paris, nos braços de sua protetora. 

Logo deixado por conta própria na fabulosa vila, o jovem rapaz vai descobrir os bastidores de um mundo condenado à lei do lucro e das falsidades. Uma comédia humana na qual tudo se compra e se vende, da literatura à imprensa, da política aos sentimentos, das reputações às almas. Ele vai amar, sofrer, e sobreviver às suas ilusões.

CONFIRA A ENTREVISTA


Amélie: Quais foram os principais desafios durante as filmagens?

Benjamin: O maior desafio foi acordar cedo por 70 dias (risos), brincadeira, mas o maior desafio de fato, foi ser o centro das atenções em meio a tantos atores incríveis. Me senti como uma abelha rainha de uma colmeia. 

Amélie: Como você se preparou para o papel de Lucien?

Benjamin: Diz o ditado que um bom artista, é aquele que copia e o gênio é aquele que cobra. Fui ao Petit Palais, um museu bem popular da França, diversas vezes para analisar as obras e tentar pegar os gestos, movimentos e a postura corporal das pessoas daquela época. 

Amélie: E como foi trabalhar ao lado do diretor Xavier Giannoli? 

Benjamin: Eu e ele (Xavier), nos tornamos grandes amigos após as filmagens. Foi uma das maiores amizades que fiz nos meus longos 2 anos de carreira (risos). É incrível como nossos olhares se conectavam e eu queria de toda forma não decepcioná-lo. 

Amélie: O que mais o anima na hora de participar de novas produções?

Benjamin: Gosto de encontrar pessoas diferentes e tudo isso foi um grande aprendizado. Nossa missão é aprender trabalhando e não apenas trabalhar por trabalhar. O processo de aprendizado, conhecer novas culturas e novos pontos de vista, é muito bom. 

0 comments:

[Coletiva] Diretor Phillippe Le Guay vem ao Festival Varilux para falar sobre novo longa, Um Intruso no Porão

 

Por Victoria Hope

Em tempos de ascensão do negacionismo, Phillipe Le Guay apresenta um dos filmes mais necessários e sombrios do ano, o thriller 'Um Intruso no Porão', que faz parte da programação oficial do Festival Varilux de Cinema Francês, que acontece em cinemas de todo o Brasil, de 25 de novembro a 8 de dezembro.

Essa já é a terceira vez do diretor no Brasil, já que a primeira aconteceu em 2013, também para prestigiar uma das edições do Festival Varilux e a segunda iguamente, em 2016 para apresentar o longa Floride, ao lado de Jean Rochefort e Sandrine Kiberlain. 

Na trama de 'Um Intruso no Porão', em Paris, Simon e Helen decidem vender um porão no imóvel onde vivem. Um homem com um passado conturbado o compra e instala-se lá sem aviso prévio, mas pouco a pouco, a sua presença vai mudar a vida do casal.

Com atuações fortes, essenciais para abordar a temática pesada, o filme demonstra os perigos de quando ideais retrógrados tomam conta e como através da internet e redes sociais, pessoas que se recusam a acreditar na história e na ciência, se organizam para causar dúvida, medo e retrocesso. 

CONFIRA A ENTREVISTA


Amélie: O que você entende pelo medo de ter alguém desconhecido escondido no porão de casa, como aconteceu com o protagonista? 

Phillipe: O medo se instaurou (na França) m relação à estrangeiros. Quis passar no filme, o sentimento que tem crescido no país, de pessoas que tem medo de desconhecidos e como desconhecidos, porém acabar se inserindo na vida de famílias, como no caso do protagonista. Esse é um tema recorrente em diversos thrillers, como em obras de Edgar Allan Poe; o medo do desconhecido sempre será mais assustador. 

Amélie: O que te inspirou a escrever essa história?

Phillipe: Escrevi esse filme porque um casal de amigos meus passaram exatamente por essa situação. Um estranho simplesmente se instalou no porão da família e se recusou a sair. Eles venderam o porão da casa para essa pessoa desconhecida e então, sofreram por mais de 3 anos até que o homem os deixasse em paz e saísse de suas casas. Na França é comum as casas terem porões e é ainda mais comum, famílias alugarem ou venderem porões para pessoas desconhecidas. 

Amélie: Como foi a escolha do ator para o papel de intruso? E como chegou a François Cluzet de 'Intocáveis'?  

Phillipe: Justamente, em minha escolha inicial, havia pensado em atores com rostos estranhos e singulares, diferentes dos que já vimos antes, mas eu não tinha certeza ainda, Há 2 anos, François fez um filme chamado 'Normandia Nua', onde seu personagem era muito simpático, mas que possuía um olhar perturbador. 

É interessante, porque Normandia é um filme muito positivo e aqui no meu filme, ele representa um personagem perturbador, mas que ainda assim, elegante e sedutor, mesmo com o casaco surrado. Eventualmente vemos a máscara por trás do personagem que ele criou, ou seja, o personagem, já que ele se vê como uma vítima da história, mesmo ele sendo a figura negacionista.

Amélie: Esse tema é relevante para o que estamos passando nesse momento e o personagem realmente acredita estar correto.

Phillipe:  A percepção que ele tem é a percepção de um francês que se recusa a ver a verdade da história. Ele, como francês, quer se enganar e dizer que não houve deportação dos judeus na França, como se isso não tivesse acontecido. Ele expressa ódio pela história das famílias judaicas, aborda o tema da colonização dos indígenas americanos e nega todos esses fatos. O pior, ele parece ser uma pessoa comum, como todas as outras e isso é o mais aterrorizante. 

0 comments:

[Coletiva] Sami Outalbali fala sobre Um Conto de Amor e Desejo no Festival Varilux

 

Por Victoria Hope

Sami Outalbali, o Rahim da série “Sex Education”, veio ao Brasil  nessa quarta (24) para participar da 12ª edição do Festival Varilux de Cinema Francês, que acontecerá nos cinemas de todo Brasil, entre os dias 25 de novembro e 8 de dezembro.

O ator comentou sobre seu mais novo filme premiado 'Um Conto de Amor e Desejo', segundo longa-metragem da diretor tunisina Leyla Bouzid, que com esse título, venceu o Festival Du Film Francophone d’Angoulême 2021 na categoria de 'Melhor Filme'.

Com apenas 22 anos de idade, Sami já possui uma extensa carreira, com trabalhos de atuação na TV e no cinema desde os 6 anos de idade, principalmente na televisão e no cinema francês, agora expandindo horizontes em terras britânicas. 

Na trama, Ahmed, um jovem de 18 anos, é francês de origem argelina e cresceu nos subúrbios parisienses. Nas bancadas da universidade, ele conhece Farah, uma jovem tunisiana cheia de energia que acaba de chegar de Túnis. Ao descobrir uma coletânea de literatura árabe sensual e erótica da qual ele nunca soube, Ahmed apaixona-se perdidamente por esta jovem e, apesar de literalmente inundado de desejo, ele vai tentar resistir.

Confira a entrevista



Amélie: Falando sobre filmagens de Sex Education e filmes que você já gravou na França, qual dos dois locais é seu favorito?

Sami: Na Inglaterra é muito mais difícil, porque eles são extremamente pontuais e o clima também é bem diferente. É sempre uma experiência incrível gravar tanto na Inglaterra quanto na França, mas posso dizer com certeza que na Inglaterra eles são bem mais rígidos quanto à horários e filmagens. 

Amélie:  Em 'Um Conto de Amor' 
Ahmed é um personagem argelino que mora na França, assim como muitos imigrantes que foram com suas famílias para a França há alguns anos em busca de oportunidades. Tendo isso em mente, quais são as semelhanças entre você e o personagem?

Sami: Ele (Ahmed), possui muitas características parecidas com as minhas, ao mesmo tempo em que somos muito distantes. Eu sou tímido na vida real, mas Ahmed é muito, muito tímido mesmo, então por esse lado, me identifico com ele, mas nossas histórias, apesar de parecidas em alguns aspectos, divergem, porém o mais legal é que não precisei de artifícios para contar a história dele, pois, me identifico também como imigrante.

Amélie: E como foi para você, como imigrante, representar essa história tão delicada e necessária nesse momento?

Sami: Acho incrível essa oportunidade, pois tenho origem marroquina, e acredito que ter essa chance de falar sobre esse assunto é muito importante e Leyla, nossa diretora, conseguiu transmitir com verdade, honestidade e imparcialidade, o que acontece realmente na vida de imigrantes na França.


Vale lembrar que "Um Conto de Amor e Desejo" possui classificação indicativa de 18 anos e estará em cartaz no festival a partir de 25 de novembro. Para conferir a programação completa do Festival nesse ano, clique aqui e não deixe de visitar o site oficial do evento. 

0 comments:

SPFW N52 | Apartamento 03

 

Por Victoria Hope

Com modelos embalados por folhas de arruda, espada de São Jorge, tapete de oxalá e outras plantas com propriedades curativas e espirituais, Apartamento 03 apresentou sua coleção para o Inverno 2022 nessa SPFW com muita fluidez e uma paleta monocromática perfeita para épocas mais frias.

Volumes com formas mais amplas, trouxeram um ar mais fresh para a alfaiataria tradicional da marca, apresentando muitas franjas e palhas que quebravam a paleta mais sóbria, enquanto vestidos plissados, paetês iridescentes e tons fluorescentes como pink, contribuíam para trazer um ar mais divertido para intercalar com a sobriedade da coleção. 

As peças e estampas exclusivas foram desenhadas a mão pelo estilista Luiz Cláudio com auxílio do artista plástico Gilson Plano, o que garantiu um tom poético a coleção, trazendo mensagens de renovação, cura e alívio, essenciais para esse momento tão difícil que o mundo está passando. 

Alguns dos destaques que chamaram atenção na passarela, foram as participações de Camila de Lucas, do BBB em sua estreia na SPFW, ao lado do modelo e ator Ícaro Silva, além de um casting formado por 90% de modelos negros. Em uma data tão especial quanto hoje (20), dia da Consciência Negra, a mensagem foi extremamente necessária, pois devemos ocupar os espaços que nos pertencem.









0 comments:

HBO Max confirma participação na CCXP Worlds 2021 com muitas novidades

 

Por Victoria Hope

Esse momento é nosso! A CCXP Worlds 21 anuncia que a HBO Max estará na edição que acontece nos dias 4 e 5 de dezembro. O streaming que chegou ao Brasil em junho deste ano irá trazer grandes novidades em conteúdo local e internacional e garante que os fãs dos universos de DC, Game of Thrones e Harry Potter não vão se decepcionar.

Por enquanto, a HBO Max não revelou a programação completa, mas a CCXP já reservou um espaço no sábado, dia 04 de dezembro, e adianta que o painel contará com uma grande surpresa, as duas apresentadoras mais que especiais. A expectativa é que a gigante do streaming traga novidades e divulgue mais informações em breve.

O painel da HBO Max acontecerá no período da noite, e será comandado por duas apresentadoras e além de contar com uma comemoração especial dos 20 anos de Harry Potter, que promete balançar o coração de qualquer fã, na programação ainda há conteúdos especiais para os fãs de DC, Game of Thrones e muitas novidades sobre as produções nacionais.

Confira o teaser incrível da HBO Max sobre o que vem por aí:

===

SERVIÇO

CCXP Worlds

Datas:  4 e 5 de dezembro.

Local: Edição digital 

CREDENCIAIS: 

● FREE EXPERIENCE (Gratuíto)

Acesso à plataforma CCXP Worlds 21. Acesso ao conteúdo dos palcos Thunder, Artists’ Valley by Santander, Tribo Game Arena, Creators & Cosplay Universe, Omelete Stage e Palco Colecionáveis. Acesso à fancam para interagir com visitantes de todos os mundos. Credencial digital da CCXP Worlds 21.

● DIGITAL EXPERIENCE (R$50)

Tudo do FREE EXPERIENCE e mais: anúncios de produtos exclusivos e edições limitadas durante a programação; acesso a área de masterclasses*; video on demand*. 

● HOME EXPERIENCE (R$50 + Frete)

Tudo do DIGITAL EXPERIENCE e mais um Home Kit enviado para a casa do fã com credencial física, cordão do Amazon Prime Video, tag de porta, pin e stickers da CCXP Worlds 21.

0 comments:

Festival Varilux de Cinema Francês começa dia 25 de novembro com 17 filmes inéditos

 

Por Victoria Hope

O evento irá exibir longas recentes de diretores franceses como Julia Ducournau, François Ozon e Emmanuele Bercot além de promover debates entre o público em SP e RJ

Consolidado como o maior evento de filmes franceses fora da França e somando mais de um milhão de espectadores em todo país desde sua criação, o Festival Varilux de Cinema Francês chega a 12ª edição com exibição somente nos cinemas entre 25 de novembro e 8 de dezembro. 

Drama, romance, comédia, animação e documentário integram a programação composta por dois clássicos e 17 longas-metragens inéditos e recentes, entre premiados e participantes de festivais internacionais. Rio de Janeiro e São Paulo recebem ainda uma mostra com quatro filmes em homenagem a Jean-Paul Belmondo, ícone do cinema mundial falecido em setembro último, e delegação artística que vai debater com o público.

Estamos felizes em poder realizar o festival novamente este ano, com maior segurança, com a pandemia estabilizada e os eventos culturais retornando em todos as cidades”, comemora Christian Boudier, codiretor e cocurador do festival. “Para nós, que em todos esses anos trabalhamos levando a cinematografia francesa para o público de cidades de todos os tamanhos e lugares do país, é muito gratificante voltar a oferecer cultura”, completa Emmanuelle Boudier, também codiretora e cocuradora do evento.


Os 17 longas-metragens inéditos nos cinemas formam uma seleção com gêneros e temáticas variadas, estreladas por astros e jovens talentos, além de diretores novos e consagrados. Na programação estão obras premiadas e participantes de festivais como Cannes, Toronto, Veneza e San Sebastian. François Ozon (Está Tudo Bem), presença recorrente no Varilux; Xavier Giannoli (Ilusões Perdidas); Emmanuelle Bercot (Enquanto Vivo); Laurent Cantet (@Arthur Rambo – Ódio nas Redes); Albert Dupontel (Adeus, Idiotas); Julia Ducournau (Titane) e Jacques Audaiard (Paris, 13 Distrito) são alguns dos diretores desta edição. 

Astros e estrelas como Catherine Deneuve, Sophie Marceau, Virginie Efira, Jérémie Renier, Pierre Niney, Pio Marmai e jovens nomes como Noémie Merlant, Benjamin Voisin, Sami Outalbali e Rabah Naït também estarão presentes com seus últimos filmes.

Como em outros anos, uma delegação francesa estará em São Paulo e no Rio de Janeiro para apresentar seus filmes e conversar com o público em sessões com debate. Pela segunda vez no Brasil, Philippe Le Guay, diretor de Um intruso no porão, é um dos convidados desta edição. Com mais de 27 anos de carreira como ator, roteirista e diretor, esteve no país em 2016 para apresentar “A viagem de meu pai”, exibido no festival.

Titane, vencedor da Palma de Ouro em Cannes também será exibido / Neon Films

O ator Sami Outalbali vem para falar de Um Conto de Amor e Desejo, premiado segundo filme da diretora Leyla Bouzid. O longa, exibido na Semana da Crítica em Cannes, foi escolhido melhor filme e melhor ator no Festival de Cinema Francófono de Angoulême. Sami é conhecido ainda por sua participação em “Sex Education”; da Netflix.

Conhecido por sua atuação em Verão 89, de Ozon, exibido no ano passado no Varilux, o ator Benjamin Voisin vai apresentar Ilusões perdidas, drama inspirado no romance homônimo de Honoré de Balzac e dirigido por Xavier Giannoli. O ator já contracenou com nomes como Gerard Depardieu e Catherine Deneuve. Por “Verão 89” (de Ozon) recebeu o Prêmio Lumière de Melhor Revelação e concorreu ao César de Melhor Ator Promissor Masculino. 

Com mais de 70 participações em produções variadas com diretores consagrados, entre eles Luc Besson, Olivier Rabourdin estará no Brasil para falar de Caixa Preta, seu mais novo longa. Já marcou presença no Varilux com filmes como “A última loucura de Clarie Darling” e “O poder de Diana

Um Conto de Amor e Desejo / Divulgação

Além dos filmes, a edição volta a promover o Laboratório Franco-Brasileiro de Roteiros sob a coordenação de François Sauvagnargues - especialista de ficção e diretor geral do FIPA (Festival Internacional de Programação Audiovisual). Com inscrições prévias, a atividade será entre os dias 22 e 26 de novembro, no Rio de Janeiro.

A lista de cidades e cinemas participantes estará em breve no site do festival, https://variluxcinefrances.com/2021 O valor do ingresso é o já cobrado por cada exibidor. 

FILMES DA PROGRAMAÇÃO 

Arthur Rambo / Foto: Vitrine Filmes

ARTHUR RAMBO - ÓDIO NAS REDES 

2021 / 1h27 / Drama

Com: Rabah Naït Oufella, Sofian Khammes, Antoine Reinartz

Direção: Laurent Cantet

Distribuição no Brasil: Vitrine Filmes

Sinopse: Quem é Karim D.? Um jovem escritor empenhado no sucesso? Ou seu pseudônimo Arthur Rambo, que espalha mensagens de ódio em suas redes sociais?

 ADEUS, IDIOTAS

2020 / 1h27 / Comédia

Com: Virginie Efira, Albert Dupontel, Nicolas Marié

Direção: Albert Dupontel

Distribuição no Brasil: Mares Filmes

Sinopse: Quando Suze Trappet descobre, aos 43 anos, que está seriamente doente, decide ir procurar a criança que foi forçada a abandonar quando tinha 15 anos. Sua busca vai fazê-la cruzar com JB, um quinquagenário em pleno esgotamento mental, e com o Sr. Blin, um arquivista cego de um entusiasmo impressionante. Juntos, eles embarcam em uma missão tão espetacular quanto improvável.

A TRAVESSIA

2021 / 1h24 / Animação, Drama, 

Com: Emilie Lan Dürr, Florence Miailhe, Maxime Gémin

Direção: Florence Miailhe

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Uma aldeia saqueada, uma família em fuga e duas crianças perdidas nos caminhos do exílio… Kyona e Adriel tentam escapar daqueles que os perseguem para chegar a um país com um regime mais brando. Durante uma jornada que os levará da infância à adolescência, eles passarão por muitas provações envoltas em um misto de fantasia e realidade para chegar ao seu destino.

CAIXA PRETA

2020 / 2h09 / Thriller, Drama

Com: Pierre Niney, Lou de Laâge, André Dussollier, Olivier Rabourdin

Direção: Yann Gozlan

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: O que aconteceu a bordo do voo Dubai-Paris antes de bater no maciço alpino? Técnico na BEA, autoridade responsável pelas investigações de segurança na aviação civil, Mathieu Vasseur é o investigador principal desse desastre aéreo sem precedentes. Teria sido um erro do piloto? Falha técnica? Ato terrorista? A análise minuciosa das caixas pretas fará com que Mathieu conduza secretamente a sua própria investigação. Ele ainda não sabe até onde vai a sua busca pela verdade.

DELICIOSO: DA COZINHA PARA O MUNDO

2021 / 1h53 / Comédia, Histórico

Com: Grégory Gadebois, Isabelle Carré, Benjamin Lavernhe

Direção: Eric Besnard

Distribuição no Brasil: PlayArte  

Sinopse: No alvorecer da Revolução Francesa, Pierre Manceron, um cozinheiro ousado, mas orgulhoso, foi demitido por seu mestre, o duque de Chamfort. Conhecer uma mulher surpreendente, que deseja aprender a arte culinária ao seu lado, dá-lhe autoconfiança e o leva a se libertar de sua condição de servo para empreender sua própria revolução. Juntos, eles vão inventar um lugar de prazer e partilha aberto a todos: o primeiro restaurante. Uma ideia que fará com que eles ganhem clientes... e inimigos.

ENQUANTO VIVO (De son vivant)

2021 / 2h / Drama

Com: Catherine Deneuve, Benoît Magimel, Gabriel Sara

Direção: Emmanuelle Bercot

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Um homem condenado cedo demais por uma doença. O sofrimento de uma mãe diante do inaceitável. A dedicação de um médico e de uma enfermeira para acompanhá-los num caminho impossível. Ao longo das quatro estações de um ano eles terão que lidar com a doença, domesticá-la, e compreender o que significa morrer enquanto vive.

ILUSÕES PERDIDAS

2021 / 2h29 / Drama, Histórico

Com: Benjamin Voisin, Cécile de France, Vincent Lacoste

Direção: Xavier Giannoli

Distribuição no Brasil: California Filmes

Sinopse: Lucien é um jovem poeta desconhecido da França do século XIX. Ele tem grandes esperanças e quer escolher seu destino. Ele larga a gráfica de sua província natal para tentar a sorte em Paris, nos braços de sua protetora. Logo deixado por conta própria na fabulosa vila, o jovem rapaz vai descobrir os bastidores de um mundo condenado à lei do lucro e das falsidades. Uma comédia humana na qual tudo se compra e se vende, da literatura à imprensa, da política aos sentimentos, das reputações às almas. Ele vai amar, sofrer, e sobreviver às suas ilusões.

UM INTRUSO NO PORÃO

(L'homme de la cave)

2021 / 1h54 / Thriller

Com: François Cluzet, Jérémie Renier, Bérénice Bejo

Direção: Philippe Le Guay

Distribuição no Brasil: Synapse

Sinopse: Em Paris, Simon e Helen decidem vender um porão no imóvel onde vivem. Um homem com um passado conturbado o compra e instala-se lá sem aviso prévio. Pouco a pouco, a sua presença vai mudar a vida do casal.

NOSSO PLANETA, NOSSO LEGADO

2020 / 1h40 / Documentário

Direção: Yann Arthus-Bertrand

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Dez anos depois de "Home", Yann Arthus-Bertrand retorna com "Legacy", um grito poderoso do coração. Ele compartilha uma visão sensível e radical do nosso mundo, que viu se deteriorar ao longo de uma geração, e revela um planeta sofredor, uma humanidade desorientada e incapaz de levar a sério a ameaça que pesa sobre ela e sobre todos os seres vivos. Para o diretor, é urgente: todos podem e devem fazer ações concretas pelo futuro do planeta para nossas crianças.

PARIS, 13º DISTRITO

(Les Olympiades)

2021 / 1h45 / Comédia, Romance

Com: Lucie Zhang, Makita Samba, Noémie Merlant

Direção: Jacques Audiard

Distribuição no Brasil: California Filmes

Sinopse: Paris, 13º arrondissement, bairro de Olympiades. Emilie encontra Camille, que se sente atraído por Nora, que acaba cruzando caminhos com Amber. Três garotas e um garoto. Eles são amigos, às vezes amantes, frequentemente os dois.

MADRUGADA EM PARIS

(Médecin de nuit)  2020 / 1h22 / Drama

Com: Vincent Macaigne, Sara Giraudeau, Pio Marmai

Direção: Elie Wajeman

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Mikaël é um médico noturno. Ele cuida de pacientes de bairros vulneráveis, mas também daqueles que ninguém quer ver: os viciados. Dividido entre a mulher e a amante e arrastado pelo primo farmacêutico para um perigoso esquema de receitas falsas, sua vida se torna um caos. Mikaël não tem escolha: esta noite, ele deve decidir seu destino.

MENTES EXTRAORDINÁRIAS

2020 / 1h31 / Comédia dramática

Com: Bernard Campan, Alexandre Jollien, Marilyne Canto

Direção: Bernard Campan e Alexandre Jollien

Distribuição no Brasil: California Filmes  

Sinopse: Dois homens dirigem-se de Lausanne para o sul da França num carro funerário. Se conhecem pouco e têm pouco em comum. Ou pelo menos é o que acham.

ESTÁ TUDO BEM  

2021 / 1h52 / Comédia dramática

Com: Sophie Marceau, André Dussollier, Géraldine Pailhas

Direção: François Ozon

Distribuição no Brasil: California Filmes

Sinopse: Emmanuèle, romancista realizada na sua vida privada e profissional, se dirige ao hospital onde o seu pai, André, acaba de sofrer um AVC. Fantasque, apaixonado pela vida, porém cansado, pede à sua filha para ajudá-lo a acabar com isso. Com a ajuda de sua irmã Pascale, ela terá que escolher: aceitar a vontade de seu pai ou convencê-lo a mudar de ideia.

TITANE  (Vencedor do 'Palme d'Or 2022 em Cannes) 

2021 / 1h48 / Thriller, Drama

Com: Vincent Lindon, Agathe Rousselle, Garance Marillier

Direção: Julia Ducournau

Sinopse: Depois de uma série de crimes inexplicáveis, um pai encontra seu filho, que está desaparecido há 10 anos. Titânio: Metal altamente resistente ao calor e à corrosão, dando origem a ligas muito duras.

TRALALA

2021 / 2h / Comédia musical 

Com: Mathieu Amalric, Josiane Balasko, Mélanie Thierry

Direção: Arnaud e Jean-Marie Larrieu

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Tralala, 40 anos, um cantor das ruas de Paris, encontra uma jovem que lhe deixa uma única mensagem antes de desaparecer: "Acima de tudo, não seja você mesmo". Teria Tralala sonhado? Ele deixa a capital e acaba encontrando em Lourdes a mulher pela qual já estava apaixonado, mas que não se lembra dele. Porém, uma emocionada mulher de 60 anos acredita que Tralala é seu próprio filho, Pat, desaparecido 20 anos antes nos Estados Unidos. Tralala decide assumir o papel. Ele vai descobrir para si uma nova família e encontrar a vocação que não sabia que tinha.

UM CONTO DE AMOR E DESEJO 

2021 / 1h42 / Drama, Romance

Com: Sami Outalbali, Zbeida Belhajamor, Diong-Keba Tacu

Direção: Leyla Bouzid

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Ahmed, 18 anos, é francês de origem argelina. Cresceu nos subúrbios parisienses. Nas bancadas da universidade, ele conhece Farah, uma jovem tunisiana cheia de energia que acaba de chegar de Túnis. Ao descobrir uma coletânea de literatura árabe sensual e erótica da qual ele nunca soube, Ahmed apaixona-se perdidamente por esta jovem e, apesar de literalmente inundado de desejo, ele vai tentar resistir.

PEQUENA LIÇÃO DE AMOR 

2020 / 1h27 / Comédia, Romance

Com: Laetitia Dosch, Pierre Deladonchamps, Lorette Nyssen

Direção: Eve Deboise

Distribuição no Brasil: Bonfilm

Sinopse: Uma jovem se abriga num café para escapar da chuva. Lá, encontra provas de matemática esquecidas e uma inquietante carta de amor…

0 comments:

Harry Potter | HBO Max anuncia reencontro de elenco em aniversário de 20 anos da saga

 

Por Victoria Hope

Em 1º de janeiro de 2022, marcando 20 anos desde que ‘Harry Potter e a Pedra Filosofal’ foi lançado pela primeira vez, chega a notícia que todos os fãs esperavam... o elenco se reúne para um especial histórico!

Chegou o momento mais aguardado por potterheads do mundo inteiro, o aniversário de 20 anos da saga mágica mais aclamada dos últimos tempos. A HBO Max anuncia o retorno mais esperado... a maior franquia de filmes de todos os tempos terá a retrospectiva que merece em seu histórico 20º aniversário, celebrando a icônica série de filmes Harry Potter a e suas estrelas, dando aos fãs a chance de reviver a magia do dinâmico universo encantado em um reencontro que ficará para a história.

Este especial de 90 minutos presta homenagem ao lançamento histórico de ‘A Pedra Filosofal’, com participação do elenco em Leavesden, onde tudo começou, para ouvir suas histórias pessoais sobre a produção deste filme marcante.

Elenco de Harry Potter em Premiere / Foto: Teen Vogue

Por meio de entrevistas com o elenco e vasta cobertura dos bastidores, diretamente dos arquivos do cofre da Warner Brothers, levaremos o público numa viagem para ver como o mundo de Harry Potter nasceu e ganhou vida nas telas. Um formato que presta homenagem tanto à história da franquia do filme quanto a seus dedicados fãs.

O especial contará com a participação dos talentos Daniel Radcliffe, Emma Watson, Rupert Grint, Helena Bonham Carter, Gary Oldman, Robbie Coltrane, Chris Columbus e muitos outros! Os Produtores Executivos são: Casey Patterson (A West Wing Special to benefit When We All Voted) e The Blair Partnership.

Em 1º de janeiro de 2022, somente na HBO Max.

Sessão especial 20 anos nos cinemas

Nos bastidores de Harry Potter / Foto: Warner Bros

Harry Potter e a Pedra Filosofal completa 20 anos de sua primeira exibição nos cinemas em novembro, e, para celebrar essa data, a Warner Bros. Pictures e a HBO Max presenteiam os fãs da saga com uma exibição única e inédita do filme em 3D, exclusiva nos cinemas.

As sessões acontecerão exclusivamente no dia 21 de novembro em cinemas de todo o Brasil e a pré-venda de ingressos já está disponível. Os fãs do mundo mágico de Harry Potter terão a oportunidade de ver - ou rever - o início de todo o universo da magia em uma ação que será lembrada para sempre.

0 comments:

[Review] Eternos

 

Por Victoria Hope

Um dos filmes mais antecipados do ano chegou dividindo opiniões entre a crítica e os fãs, mas é sem dúvidas, de longe uma das maiores estreias da temporada em diversos sentidos. Eternos, da vencedora do Oscar Chloé Zhao, consegue quebrar a fórmula da Marvel e entregar uma história humana, sensível e essencial para o futuro da fase 4 no MCU.

Apesar do início mais arrastado, o filme conta com diversos diálogos expositivos muito necessários  que ajudam o público não tão familiar com os Eternos, a conhecerem mais sobre esses deuses do universo dos quadrinhos. 

Os melhores momentos da trama, são quando os Eternos interagem com os humanos, é possível entender o amor que grande parte deles sente pela humanidade, característica importante também para os personagens nos quadrinhos originais de Jack Kirby

Sprite em Eternos / Foto: Disney Media

Falando no criador da história Jack Kirby, apesar de todas as cores em tela, o filme apresentou uma estética bem dessaturada, o que vai para o lado totalmente oposto do que deveria ser na adaptação de uma história cósmica extremamente coloridas; faltaram mais cores e um aspecto mais psicodélico, que eram os grandes trunfos dos quadrinhos originais.

Apesar disso, Chloé consegue entregar um filme impecável esteticamente falando, com uma fotografia de tirar o fôlego que com certeza merece levar algumas indicações ao Oscar no próximo ano. Inclusive, esse é um desvio da fórmula de telas verdes da Marvel, que foi muito bem vindo.

Sobre a trama, apesar da quantidade enorme de personagens, é possível criar conexões com cada um deles, mas um dos aspectos negativos do filme cai exatamente na participação dos protagonistas, pois, enquanto o líder Ikaris (Richard Madden), entregou uma performance robótica em todas suas cenas, outros personagens mais carismásticos como Gilgamesh (Don Lee) e Ajak (Salma Hayek), tiveram pouquíssimo tempo de tela.

Gilgamesh e Thena / Foto: Disney Media

Os relacionamentos entre os Eternos foram também destaque na trama, pois, enquanto, propositamente, Ikaris e Sersi (Genma Chan) não possuíam química alguma, casais como Gilgamesh e Thena (Angelina Jolie), além de Makkari (Lauren Ridloff) e Druig (Barry Kheogan), exalavam amor, intimidade e respeito mútuos. 

Enquanto Gilgamesh e Thena representavam certamente a dupla de personagens casados, mesmo que isso não esteja explícito, Makkari e Druig traziam o conceito de casais apaixonados mais novos e o mais admirável é que Chloé conseguiu demonstrar a intimidade desses casais de uma forma simples, sem a necessidade de beijos ou momentos sexuais para mostrar que existia química ali.

Isso é o que acontece quando usa-se o 'female gaze', técnica conhecida na indústria, quando diretoras apresentam romance e ligações entre os personagens, sem intenção de sexualizar e pelo ponto de vista feminino, que ao invés de transformar uma parte do casal em objeto sexual, visualiza os personagens como eles são, de igual para igual, com respeito mútuo.

Phastos e sua família / Foto: Disney Media

Sem dúvida alguma, Phastos (Brian Tyree Henry) e sua família também foram um dos maiores destaques da trama. Não apenas o personagem foi hilário, como além de trazer ainda mais humanização aos Eternos, protagonizou o primeiro beijo gay e representou o primeiro personagem abertamente LGBTQIA+ dentro do MCU, outro passo extremamente importante para a Marvel após mais de 10 anos de cinema.

No quesito de humor, Phastos e Kingo (Kumail Nanjiani) são os destaques, principalmente Kingo ao lado de seu mordomo Karum andando com as câmeras para lá e pra cá. A única pena mesmo é que o astro de Bollywood sequer aparece na batalha final, o que é definitivamente um erro de continuidade.

O filme tem ação na medida certa, algo que não é tão característico da diretora e que foi uma enorme surpresa e apesar do ritmo as vezes cair para a lentidão, a história tem um ritmo que flui muito bem e ainda contribui para o hype dos próximos títulos que serão lançados na próxima fase do MCU.

NOTA: 8.5/10

0 comments:

[Review] Locke & Key | 2ª Temporada

 

Por Victoria Hope

Após uma longa espera, a 2ª temporada de Locke & Key finalmente chegou à Netflix. Mais madura nessa nova fase, a série é adaptação da graphic novel premiada de Joe Hill, filho de Stephen King. Na trama, conhecemos a família Locke, que vive em uma mansão isolada e tenta se recuperar do luto após o assassinato do patriarca da família.

Locke & Key foi uma das grandes apostas do streaming dentro do gênero de fantasia e dessa vez apresenta um desenvolvimento ainda maior dos personagens e um novo vilão que trás diversas camadas para os eventos que aconteceram no cliffhanger da primeira fase.

Um dos grandes acertos dessa nova temporada foi o uso de flashbacks para finalmente explicar a origem das chaves e o motivo por trás de apenas Lockes serem capazes de produzir ou manipular as chaves, esse artifício foi ótimo para unir todas as pontas soltas do primeiro ano.

Segunda temporada de Locke & Key / Netflix

Na primeira temporada, Dodge (interpretada pela brasileira Laysla de Oliveira) é o Eco e a voz da maldade, já nessa segunda, o  Dodge mantém a forma de Gabe (Griffin Gluck), trazendo uma reviravolta importante, porque apesar de ainda ser um demônio, o vilão nutre sentimentos pela Kinsey e esses sentimentos com certeza trarão problemas para ambos personagens.

A amizade entre os irmãos Tyler, Kinsey e Bode é incrível e está mais forte do que nunca nessa nossa fase, inclusive, algumas das melhores cenas da temporada, são os momentos onde os três se unem para descobrir novas chaves e dividir todas para uso no dia a dia, além das interações com a nova personagem fofíssima Jamie. 

Na trama, além de cenas de luta mais agressivas, linguajar mais adulto com certeza foram alguns dos maiores artifícios da segunda temporada, que mostra que podemos esperar uma terceira temporada (já confirmada), ainda mais madura no próximo ano.

Segunda temporada de Locke & Key / Netflix

O novo professor da cidade Josh Bennet, é uma das figuras mais intrigantes e começa a nutrir um relacionamento com a matriarca dos Lockes, Nina, mas ao longo da trama percebemos que o homem não é quem parece ser e que seu passado está ligado à um grande inimigo milenar da casa Locke, um demônio que também foi aprisionado no poço da mansão.

Agora falando em efeitos especiais, ouve uma melhora considerável no CGI, incluindo mais cenas com efeitos práticos ao invés da equipe se escorar na tela verde, como fizeram em muitas cenas do  primeiro ano da série, o que transformou as cenas de ação muito mais realistas.

Mas para variar, o desfecho foi um pouco anti climático, assim como o final da primeira temporada, porém, mesmo com um final fraco, a nova fase consegue atiçar a curiosidade do público para a 3ª temporada da Netflix, que com certeza será ainda maior.

---

Nota: 9/ 10

0 comments:

SPFW | Confira o line up da edição N52



Por Victoria Hope

Temporada destaca a potência criativa da moda brasileira 

O mês de novembro chegou com muitas novidades, incluindo a divulgação do line up do Festival SPFW+Regeneração desse ano, que confirma a vitalidade da moda como carro chefe da indústria criativa, destacando as principais labels nacionais. 

Uma temporada potente, que mostra a resiliência e a força da moda brasileira, experimentando novos caminhos, trazendo inovações. São 50 marcas que se apresentam no SPFWN52 e que reforçam esta expansão de fronteiras, movendo as economias criativa, afetiva e circular com uma visão plural, colaborativa e inclusiva, aperfeiçoando conquistas com transformação sustentável.

"Em poucos dias, a moda brasileira estará novamente com toda sua potência, resiliência e com a certeza de novos aprendizados, que nos servirão de guia para os próximos anos. Como já disse anteriormente, não se trata de roupas, se trata de pessoas. O SPFW é um ato coletivo" - diz Paulo Borges, fundador e diretor criativo do SPFW.

Edição virtual da SPFW que aconteceu no começo do ano / Divulgação

Esta força intensa terá início no dia 16 de novembro, com o desfile presencial de Pedro Andrade na Pinacoteca de São Paulo, com encerramento especial no dia 21, com o desfile da estilista Lenny Niemeyer celebrando os 30 anos de sua marca, na Cúpula do Caminho Niemeyer, em Niterói. O retorno a uma temporada presencial acontece num lugar significativo para o SPFW, o Parque do Ibirapuera, de 17 a 20 de novembro, no Pavilhão das Culturas Brasileiras.

No dia 17, o Pavilhão abre com a apresentação/intervenção do Projeto Cria Costura, parceria do SPFW e do Inmod com a Prefeitura de São Paulo despertando e acelerando talentos em design de moda entre paulistanos da periferia, sendo mais de 90 por cento mulheres. Os participantes mostrarão suas criações, fechando um ciclo de aprendizado e capacitação.

Depois de dois anos, o SPFW - apresentado pelo Santander, Banco da Moda- retorna aos desfiles presenciais, seguindo todos os protocolos oficiais. Após duas edições 100% digitais, esta será híbrida. Todo o conteúdo da temporada de desfiles e fashions filmes será transmitido em tempo real pelas redes do SPFW.

Line up completo 

DIA 16

15h00

Pedro Andrade

DIA 17

15h30

Projeto Cria Costura

16h30

Ronaldo Fraga

17h00

À la Garçonne

17h30

Torinno

18h30

Anacê

19h00

Mnisis

20h30

Aluf

21h00

Modem

21h30

Lilly Sarti

DIA 18

15h00

Sankofa: Ateliê Mão de Mãe

15h00

Sankofa: Meninos Rei

16h00

Ronaldo Silvestre

16h30

João Pimenta

17h15

Rocio Canvas

18h00

Weider Silveiro

18h45

Von Trapp

19h15

Bold Strap

19h45

Walerio Araujo

20h30

ÁLG

21h00

Ellus

21h30

Another Place

DIA 19

10h00

Ponto Firme

12h00

Fernanda Yamamoto

15h00

Sankofa - Santa Resistência

15h00

Sankofa - Naya Violeta

16h00

Ão

16h30

LED

17h00

Misci

18h00

Gloria Coelho

18h30

Neriage

19h15

Martins

19h45

Igor Dadona

20h15

Handred

21h00

Irrita

21h30

Lino Villaventura

DIA 20

11h00

Esfér

12h00

Baska

15h00

Sankofa: Az Marias

15h00

Sankofa: Mile Lab

15h00

Sankofa: Silvério

16h00

Corcel

16h30

Fauve

17h00

Angela Brito

18h00

Lucas Leão

18h30

Depedro

19h30

Apartamento 03

20h15

Bispo dos Anjos

21h00

Renata Buzzo

21h30

Isaac Silva

DIA 21

16h00

Lenny Niemeyer

0 comments: