Navigation Menu

[Fan Event] Deadpool e Wolverine no Rio de Janeiro

Por Gabriella Medeiros

Aconteceu ontem (15), no Rio de Janeiro, o primeiro Fan Event de Deadpool e Wolverine no Brasil, recebendo diversos convidados, fãs e o elenco do filme ao lado do diretor. Os astros Ryan Reynolds, Hugh Jackman e Emma Corrin junto ao diretor Shawn Levy estiveram presentes para receber os fãs entusiasmados na Cidade das Artes.

O evento contou com a apresentação de Fabio Porchat e Nyvi Estephan, além da presença de celebridades, cosplayers e convidados especiais! Além de nossa equipe poder conferir 37 minutos do novo filme da Marvel, também recebemos diversos mimos da rede Cinemark e do Burger King, que aliás, em breve, irá anunciar o combo temático de Deadpool e Wolverine por aqui.

Deadpool & Wolverine, da Marvel Studios, apresenta a maior e mais icônica batalha cinematográfica em equipe. O filme estreia exclusivamente nos cinemas brasileiros em 25 de julho.

Dirigido por Shawn Levy, Deadpool & Wolverine é estrelado por Ryan Reynolds, Hugh Jackman, Emma Corrin, Morena Baccarin, Rob Delaney, Leslie Uggams, Karan Soni e Matthew Macfadyen. Kevin Feige, Ryan Reynolds, Shawn Levy e Lauren Shuler Donner são os produtores com Louis D’Esposito, Wendy Jacobson, George Dewey, Mary McLaglen, Josh McLaglen, Rhett Reese, Paul Wernick e Simon Kinberg servindo como produtores executivos.  Deadpool & Wolverine tem roteiro de Ryan Reynolds & Rhett Reese & Paul Wernick & Zeb Wells & Shawn Levy. 

Confira as fotos da nossa cobertura:


Porchat, Shawn Levy, Emma Corrin, Ryan Reynolds e Hugh Jackman durante o painel

Uma das áreas instagramáveis do evento
Uma estátua de Deadpool estava no local, mas também, diversos cosplayers estavam por lá

Além de áreas instagramáveis, o evento também contou com comidinhas e bebidas para o público
Mimo que ganhamos no evento, com anúncio de novo combo do BK e muito mais

0 comments:

Anime Friends começa nesta quinta-feira, saiba como chegar!

 

Por Victoria Hope

O Anime Friends 2024 começa às 10h desta quinta-feira (18) reunindo atrações internacionais e artistas brasileiros para entregar mais de 200 horas de programação aos fãs de cultura pop asiática. Maior evento da América Latina no segmento, o festival marca a reabertura do pavilhão de exposições do Distrito Anhembi depois da reforma para a modernização do espaço. Ainda há ingressos disponíveis. 

Reconhecido pelos fãs como um festival de música que reúne a execução de trilhas de animes e tokusatsu, o Anime Friends trará 18 shows no seu Palco Principal. As principais atrações são ALI, ClariS, VK Blanka, WASUTA,  Takeru e Hiroto, ROOKiEZ is PUNK'D e Bandai Namco Music Live Festival

No Auditório Ultra e na Arena AF, além dos painéis com dubladores como Vincent Martella, Wendel Bezerra e Guilherme Briggs, acontecem os shows dos talentos brasileiros de rap geek. VMZ, Tauz, TK Raps e MHRap feat. Sidney Scaccio se apresentam ao longo dos quatro dias de evento. No espaço do Meet & Greet, os fãs terão a oportunidade de conhecer a maioria dos artistas que se apresentam no festival. 

Para os fãs de mangá, as editoras preparam uma série de lançamentos, que incluem obras das séries GTO, Pirates!, Sensei Hakusho, Jiraiya, Spy e Solo Leveling. E quem gosta de dançar vai encontrar muita música e coreografias na Arena K-Pop Redragon, ou no final de cada dia de evento na Balada Otaku. 

Transporte gratuito

A organização do evento disponibilizou transporte gratuito da Estação de Metrô Portuguesa-Tietê para o Distrito Anhembi. O ponto de encontro será no número 560 da Rua Voluntários da Pátria. Quem vier de metrô deverá sair do lado par da avenida Cruzeiro do Sul. 

Para quem optar pelo ônibus regular, a recomendação é embarcar na estação Carandiru, na linha 9717-10 - Jardim Almanara. Os carros de aplicativo deverão ser direcionados para a rua Professor Milton Rodrigues. E quem for de carro ao Anime Friends deve acessar o estacionamento (R$ 70,00 - serviço terceirizado) pelo portão 38 na Rua Olavo Fontoura, 1209. 

----

Serviço:

Anime Friends 2024

Data: 18 a 21 de julho de 2024

Horários: quinta (18) das 10h às 21h; sexta (19) e sábado (20) das 10h às 22h; domingo (21) das 10 às 21h

Onde: Distrito Anhembi - Rua Olavo Fontoura, 1209 - Santana - São Paulo

Como participar: ingressos disponíveis no site do Anime Friends

0 comments:

A Substância | Imagem Filmes e Mubi anunciam chegada do aclamado longa de Cannes

 

Por Victoria Hope

A MUBI, distribuidora global de filmes, produtora e plataforma de streaming, em parceria com a Imagem Filmes, anuncia que o filme A Substância chegará aos cinemas do Brasil em setembro. Da diretora aclamada em Cannes, Coralie Fargeat, A Substância teve sua estreia Mundial no 77º Festival de Cannes, com grande aclamação, ganhando o Prêmio de Melhor Roteiro. O filme também acaba de ter um teaser oficial divulgado.

Protagonizado por Demi Moore, Margaret Qualley e Dennis Quaid, este filme que foi um verdadeiro sucesso em Cannes inverte a cultura da beleza tóxica com uma provocação para se tomar cuidado com o que deseja. Explosivo, provocativo e instigante, A Substância anuncia a chegada de uma cineasta apaixonadamente visionária

Sinopse: Já sonhou com uma versão melhor de si mesmo? Você.Só que melhor em todos os sentidos. De verdade. Você precisa experimentar este novo produto, A Substância. MUDOU A MINHA VIDA. Ele gera outro você. Um você novo, mais jovem, mais bonito, mais perfeito. E há apenas uma regra: vocês dividem o tempo. Uma semana para você. Uma semana para o novo você. Sete dias cada um. Um equilíbrio perfeito. Fácil, certo?

Confira o trailer oficial:



0 comments:

[Review] Ninguém Sai Vivo Daqui

 

Por Victoria Hope

Com roteiro inspirado no premiado livro Holocausto Brasileiro, da jornalista Daniela Arbex, o longa Ninguém Sai Vivo Daqui, de André Ristum, acompanha a jornada de Elisa, uma jovem que engravida do namorado e, no começo dos anos de 1970, é internada à força pelo pai no hospital psiquiátrico Colônia, em Barbacena (MG). 

O longa conta uma parte sombria da história brasileira sobre como muitas pessoas, principalmente mulheres, foram enviadas à hospitais psiquiátricos à força por suas famílias, assim como acontecia há meio século atrás e que infelizmente, ainda acontece em muitos lugares do mundo, o que torna tudo muito assustador.

Ninguém Sai Vivo Daqui é filmado completamente em preto e branco, o que contribui para a atmosfera soturna que toma conta da história desde o início do filme. Aos poucos, somos introduzidos à personagens com diversas histórias de vida, alguns mais violentos, outros menos, mas muitos colocados ali por serem tratados por suas famílias e amigos como uma 'inconveniência' e essa é a triste realidade também retratada no livro.

Ninguém Sai Vivo Daqui / Foto: Gullane+

É um dos filmes nacionais de terror psicológico mais intrigantes que já assisti, principalmente por demonstrar sem pudor o que acontecia por aqueles corredores e paredes brancas, repletas de apenas dois sentimentos: medo e raiva. Medo sem saber se existiria um amanhã, medo de perder a sanidade aos poucos e raiva por estarem naquele local que os desumaniza, machuca e mata aos poucos.

O elenco é de longe um dos maiores trunfos do longa, incluindo  Andréia Horta, Augusto Madeira, Rejane Faria, Naruna Costa, entre outros, mas apesar disso, o ritmo é hora acelerado, hora lento, deixa algumas lacunas que poderiam tornar esse projeto ainda mais rico e é claro, um desenvolvimento maior de outros personagens-chave seria essencial para que o filme passasse a sensação de completo, o que infelizmente não acontece.

É preciso estômago para ver algumas das cenas, mas ao mesmo tempo, ver o que aconteceu naquele local, mesmo com personagens fictícios, nos dá uma pequena amostra do verdadeiro horror que aconteceu nos hospitais psiquiátricos daqui e nos relembra de que não podemos deixar jamais que algo assim se repita.

NOTA: 7/10



0 comments:

BGS 2024 | Neil Newbon, a voz de Astarion em Baldur's Gate, vem ao Brasil para o evento

 

Por Victoria Hope

Excelente notícia para fãs de Baldur's Gate! O ator inglês Neil Newbon, conhecido por suas atuações em diversos jogos de grande popularidade, será uma das atrações da Brasil Game Show (BGS) 2024, que acontece de 9 a 13 de outubro no Expo Center Norte, em São Paulo. Entre os seus trabalhos mais recentes está a interpretação e voz do personagem Astarion, que cativou os jogadores de “Baldur’s Gate 3” e garantiu ao artista o prêmio de melhor performance no The Game Awards 2023. 

O britânico tem mais de 14 anos de experiência na indústria e já atuou em games como “Final Fantasy XVI”, “Detroit: Become Human” e “Deliver Us Mars”, além de diversos títulos da franquia Resident Evil, entre outros. Entre as empresas para as quais já trabalhou estão Ubisoft, Sony, Capcom, Bethesda e EA. Na BGS, participará de sessões de Meet and Greet, de concursos, da cerimônia de abertura do evento, do BGS Talks, onde falará sobre sua carreira, e de outras atividades.  

Mais do que trabalhar em grandes produções do universo gamer, o ator é diretor de captura de performance e voz e fundador da empresa Performance Captured Production. Além disso, é mentor da Performance Captured Academy, instituição dedicada ao ensino, treinamento e aperfeiçoamento de técnicas de captura de performance (performance capture) e captura de movimento (motion capture) para a indústria do entretenimento, em especial em jogos de vídeo games, filmes e animações.  

0 comments:

Tipos de Gentileza, mais novo filme de Yorgos Lanthimos chega aos cinemas brasileiros em 22 de agosto

 

Por Victoria Hope

Dirigido pelo indicado ao Oscar® Yorgos Lanthimos, o filme Tipos de Gentileza estreia em 22 de agosto nos cinemas brasileiros.

A nova produção da Searchlight Pictures é uma fábula antológica que acompanha um homem sem escolha que tenta assumir o controle de sua própria vida; um policial tentando lidar com o fato de sua esposa, que havia desaparecido no mar, ter retornado e parecer outra pessoa; e uma mulher determinada a encontrar uma pessoa específica com uma habilidade especial, destinada a se tornar uma poderosa líder espiritual.

Tipos de Gentileza é estrelado pela duas vezes vencedora do Oscar® Emma Stone, pelos indicados ao Prêmio da Academia Jesse Plemons (que venceu Cannes por esse papel) e Hong Chau, além de Willem Dafoe, Margaret Qualley, Joe Alwyn, Mamoudou Athie e Hunter Schafer. O roteiro original foi escrito por Lanthimos e Efthimis Filippou, fazendo deste projeto sua quinta colaboração juntos (O Lagosta, O Sacrifício do Cervo Sagrado. Dentes Caninos, Alpes). Já a produção do filme ficou por conta de Ed Guiney, Andrew Lowe, Kasia Malipan e Yorgos.

0 comments:

Mami Wata, filme nigeriano com diretora de fotografia brasileira Lílis Soares chega ao Filmicca

 

Por Victoria Hope

A FILMICCA acaba de anunciar suas estreias de Julho, com lançamentos exclusivos e inéditos. Entre os destaques estão “Mami Wata”, de C.J. “Fiery” Obasi, vencedor do prêmio Especial do Júri para a Direção de Fotografia no Festival de Sundance, que é assinada pela brasileira Lílis Soares, o drama “Music”, de Angela Schanelec, premiado com Melhor Roteiro no Festival de Berlim, e “A Fragilidade do Gelo”, de Anthony Chen, exibido na mostra Un Certain Regard no Festival de Cannes.

Confira a programação de julho:

MAMI WATA – UM FOLCLORE DO OESTE AFRICANO

Mami Wata / Foto: Divulgação

A obra “Mami Wata” é o terceiro longa-metragem do talentoso realizador nigeriano C.J. “Fiery” Obasi. Este poderoso folclore do oeste africano recebeu o prêmio Especial do Júri para a Direção de Fotografia, que é assinada brilhantemente pela brasileira Lílis Soares. O filme estreia com exclusividade na FILMICCA no dia 18 de Julho

MAMI WATA é uma divindade adorada pelos habitantes da remota vila de Iyi, na África ocidental. Mama Efe, sua representante, exerce autoridade espiritual na vila, até que a morte de uma criança perturba a paz da comunidade. O poder da divindade passa a ser questionado por aqueles com diferentes ideologias, e Prisca e Zinwe, filhas de Mama Efe, se unem para salvar sua aldeia e restaurar a glória de MAMI WATA em Iyi.

MUSIC – UMA PREMIADA RELEITURA DE ÉDIPO

Music/ Foto: Divulgação

Livremente inspirado no mito de Édipo, “Music” é o mais recente trabalho da realizadora alemã Angela Schanelec. A obra recebeu o prêmio de Melhor Roteiro no Festival de Berlim, do júri presidido por Kristen Stewart. Estreia exclusivamente no dia 4 de Julho

Após uma noite de tempestade nas montanhas gregas, um jovem é encontrado ferido e um recém-nascido é achado abandonado em um abrigo de pedras. A criança é acolhida e criada por uma família local, Jon cresce sem conhecer a mãe e o pai. Anos depois, após um trágico incidente, Jon é preso e conhece Iro. Os dois formam uma família e mantém uma imediata conexão, principalmente, através da música, que irá, por sua vez, assombrá-los e sustentá-los.

A FRAGILIDADE DO GELO – UM CONTO AMOROSO DE INVERNO

A Fragilidade do Gelo / Foto: Divulgação

Seleção Oficial do Festival de Cannes, Mostra Un Certain Regard, “A Fragilidade do Gelo” é o novo longa do realizado Anthony Chen. Este sensível drama romântico, segue um incomum triângulo amoroso durante um inverno no Norte da China. Estreia com exclusividade no dia 25 de Julho

Na fria e invernal Yanji, uma cidade na fronteira norte da China, o jovem urbano Haofeng, que visita Xangai, se sente perdido e à deriva. Por acaso, ele faz um passeio guiado por Nana, uma charmosa guia turística que o fascina instantaneamente. Ela o apresenta a Xiao, um simpático, mas frustrado, funcionário de um restaurante. Os três se unem rapidamente em um fim de semana de bebedeira. Confrontando seus traumas individuais, seus desejos congelados lentamente descongelam enquanto eles buscam se libertar de um mundo gelado.

ELLIOT PAGE APRESENTA “UM CAROÇO DE ABACATE”

Um Caroço de Abacate/ Foto: Divulgação

Com produção executiva de Elliot Page, “Um Caroço de Abacate” é uma história de empoderamento, livre de violência, para nos despertar dias melhores. Este premiado curta de Ary Zara, artista trans, e estrelado pela brasileira Gaya de Medeiros, esteve na shortlist do Oscar de Melhor Curta-metragem deste ano.Estreia dia 12 de Julho

Larissa, uma mulher trans, e Cláudio, um homem cis, se encontram certa noite nas ruas de Lisboa. Duas pessoas, duas realidades, cujas diferenças são afastadas ao dançarem até o amanhecer.

0 comments:

Não Solte! | Paris Filmes lança trailer e cartaz do thriller psicológico com Halle Berry

 

Por Victoria Hope

Do visionário diretor Alexandre Aja, de “Viagem Maldita” e “Predadores Assassinos” e das mentes criativas por trás de “Stranger Things” e “A Chegada” chega aos cinemas o thriller “Não Solte!” (Never Let Go), com distribuição da Paris Filmes. Protagonizado pela ganhadora do Oscar® Halle Berry, o longa – que estreia em 10 de outubro - acaba de ganhar trailer e cartaz. Para assistir ao trailer, clique aqui. Cartaz disponível para download aqui.

Na história, enquanto um mal toma conta do mundo, a única proteção para uma mãe - interpretada por Halle Berry - e seus filhos gêmeos é sua casa e o vínculo protetor de sua família. Precisando estar conectada o tempo todo – até mesmo se amarrando com cordas – a família se agarra um ao outro sem poder nunca se soltar. Mas quando um dos meninos questiona se o mal é real, os laços que os unem são rompidos, desencadeando uma terrível luta pela sobrevivência.

Com roteiro assinado por KC Coughlin e Ryan Grassby, “Não Solte!” traz ainda Percy Daggs IV e Anthony B. Jenkins no elenco principal e conta com produção de 21 Laps Entertainment e Media Capital Technologies. A distribuição nacional é da Paris Filmes.

Veja o trailer abaixo:


0 comments:

Hora do Massacre, novo terror aclamado da Imagem Filmes, ganha cena inédita

 

Por Victoria Hope

O filme Hora do Massacre acaba de ter uma cena exclusiva divulgada. Com distribuição da Imagem Filmes e estreia marcada para o dia 18 de julho nos cinemas nacionais, o longa coloca em confronto jovens da geração Z e um assassino obsessivo que promete aterrorizar o público.

Hora do Massacre traz a história de um grupo de jovens ativistas que invade uma loja de móveis a fim de protestar e chamar a atenção para as mudanças climáticas, porém acabam ficando presos com um segurança obcecado por caça primitiva, interpretado por Turlough Convery (Killing Eve). O que começa com um protesto, rapidamente se transforma em uma luta por sobrevivência e um massacre onde cada jovem deve fazer o que for preciso para sair vivo do estabelecimento.

O longa é dirigido pelo coletivo de diretores RKSS - Roadkill Superstars, composto por Yoann-Karl Whissell, François Simard e Anouk Whissell, que já trabalharam juntos anteriormente nos filmes “Verão de 84” e “Turbo Kid”, e são conhecidos por suas narrativas não convencionais e uma estética única, tendo conquistado uma legião de fãs. Assim como em seus filmes anteriores, nesta obra a juventude também é um tema central da história, criando um contraste entre a inocência dos jovens e a violência que os cerca.

Assista a cena abaixo:




0 comments:

Brasil Game Show anuncia ator internacional protagonista de Red Dead Redemption 2 no lineup

 

Por Victoria Hope

O ator e dublador norte-americano Roger Clark, que dá vida e voz ao protagonista do game “Red Dead Redemption 2”, será uma das atrações da edição 2024 da Brasil Game Show, que marca os 15 anos da maior feira de games da América Latina. Ele participará de uma extensa agenda de atividades no evento, que ocorre de 9 a 13 de outubro no Expo Center Norte, em São Paulo. 

Essa será a primeira vez que o ator vem ao Brasil. Natural de Nova Jersey, Clark já interpretou diferentes personagens em animações e minisséries de TV, mas foi no icônico game de velho-oeste que ele ganhou destaque, atuando e dublando o personagem Arthur Morgan. Por seu trabalho no game, foi premiado no The Game Awards, na categoria melhor performance.

Clark estará na BGS nos dias 10 e 11 de outubro, quando participará de diversas ativações do evento, incluindo sessões de Meet and Greet, painéis do BGS Talks e outras atividades.

O fundador e CEO da BGS, Marcelo Tavares, diz estar entusiasmado com a participação de Clark na edição deste ano do evento. “Roger já participou de um dos maiores jogos da indústria, e sua presença eleva o prestígio da feira em uma edição histórica. É uma oportunidade única para os fãs e profissionais do mercado de jogos interagirem com um artista tão carismático", afirma Tavares. "Ele vai trazer a sua energia contagiante ao evento para enriquecer a experiência de todos os participantes.”

Mais do que interagir com muitas personalidades históricas e atuais do mundo dos games, os visitantes da BGS 2024 poderão acompanhar competições de eSports, conferir lançamentos de jogos e produtos para gamers, divertir-se em estações free-to-play, encontrar amigos, criadores de conteúdo e muito mais.

Confira mais informações sobre a BGS nas redes sociais da feira e no site oficial do evento.

0 comments:

[Review] Long Live Montero - Um documentário de Lil Nas X

 

Por Victoria Hope

Long Live Montero é o documentário que acompanha o astro Lil Nas X em seu primeiro tour mundial! Em meio a persona digital que tantos conhecem do astro, o documentário explora um lado nunca antes visto do astro, passando por todas as etapas para criar um tour histórico, mesmo com tantas adversidades em seu caminho.

Ao longo d filme, acompanhamos a produção do show, desde a escolha de figurinos até as reações do público, da família e dos amigos de monteiro. O documentário acerta justamente ao 'humanizar' o personagem e trazer para o mundo real Monteiro, esse jovem gay negro dos EUA que tem ganhado cada vez mais espaço na indústria, seja por meio de talento ou inúmeras polêmicas, que querendo ou não, trazem o rapper em evidência.

Long Live Montero é um relato delicado e pessoal onde podemos entender a importância de ter atingido seus sonhos e objetivos e a importância de aceitar ser quem é e essa é tem sido a jornada de Lil Nas X durante os últimos anos desde o sucesso estrondoso de Old Town Road, até seus mais recentes álbuns e EPS. 


Long Live Montero / Foto: Divulgação

Uma das partes mais emocionantes do documentário é quando podemos acompanhar os relatos de diversos fãs de Lil Nas X, ver toda a diversidade no público do astro e entender a importância dessa representatividade na vida das pessoas, principalmente da comunidade LGBTQIAP+. Uma das frases mais tocantes durante esses relatos foi uma que diz: "Lil Nas x me ensinou que para ser o verdadeiro eu, eu precisava amar partes de mim que eu tinha medo".

Constantemente é possível notar postagens do cantor nas redes sociais sobre como ele está tentando encontrar seu lugar no mundo, se sentir confortável em ser quem é e sabemos que tudo isso é um desafio, principalmente na vida de alguém tão novo, mas [é justamente isso que o documentário faz, ele traz luz a essa figura, desce-o do pedestal e o apresenta humanizado, como deveria ser e com um lembrete de que o country é negro, o rap e o hip hop são negros, o soul é negro, tudo nos leva de volta à comunidade e é por isso que uma figura como Lil Nas X, subversiva dessa forma, é tão importante para a nova geração, principalmente para a comunidade negra. 

É claro que o documentário poderia ter trazido alguns outros aspectos do backstage como por exemplo, como aconteceram os convites para participações especiais, como a de Saucy Santana entre outros, mas é claro que com a marca de tempo enxuta, não seria possível explorar tantos temas mais afundo. É um documentário simples, sem inovar, mas que conta a história de um astro ainda em ascensão e que tem mais do que apenas um rostinho bonito e letras que ficam na cabeça a oferecer.

Nota: 8/10

0 comments:

[Review] Entrevista com o Demônio

 

Por Victoria Hope

Late night with the Devil ou Entrevista com o Demônio é sem duvida um dos filmes de terror mais antecipados do ano e com certeza a boa notícia é que fãs do gênero com certeza vão se apaixonar ou ficar intrigados com esse novo longa estrelado por David Dastmachian!

O filme definitivamente vai ser divisivo, principalmente quando se fala sobre o público do gênero de horror no Brasil. Se o público espera por um terror mais tradicional e dentro da caixinha como 'Hora do Pesadelo' ou até mesmo 'Hereditário', não é que vai encontrar aqui em Entrevista com o Demônio. 

A ambientação do filme é impecável, desde a escolha dos figurinos até os bordões falados e filtros utilizados na câmera! Nessa trama, acompanhamos a história de um apresentador de TV chamado Jack Delroy (Dastmachian), uma cara que é capaz de tudo pela audiência de seu programa, custe o que custar e leve esse custo ao pé da letra.


Late Night With The Devil / Foto: Diamond Films

O começo do filme é excelente para criar essa história, mas é claro que o filme é carregado por David, um ator que merecia mais do que ninguém finalmente estrelar um filme após tantos anos como personagem secundário que roubava a cena em diversos filmes de sua carreira, desde Duna, à Esquadrão Suicida. Aqui ele finalmente ganha a chance de brilhar no centro de uma história e essa escolha foi muito acertada. 

Ao longo do programa dele, 'Night Owls', que se passa na madrugada, Jack traz diversas atrações para chamar atenção da audiência e numa fatídica madrugada de halloween, ele decide trazer convidados para lá de excêntricos a fim de alcançar o topo do ibope.

Tudo começa relativamente 'bem', com Chritstou, um vidente que consegue falar com os mortos fazendo seu número de adivinhação, mas logo após a atração, as coisas começam a dar errado e a madrugada, que parecia prometer ser uma das melhores na vida do apresentador, logo se torna um pesadelo sem fim, principalmente com achegada de Lily, uma garota que supostamente possui um demônio no corpo.


Late Night with The Devil / Foto: Diamond Films

O humor de Entrevista com o Demônio é bem típico dos late night shows americanos daquela época, inclusive e se o público investigar mais sobre programas como os do Carlson, que foi um host da vida real, vão perceber  ainda mais semelhanças, como o apresentador  levando atrações bem bizarras no show. 

Apesar do bom começo do filme, com muitos diálogos e cenas expositivas sobre o passado de Jack, o apresentador, as quebras de cena quando eles mudam do palco para os bastidores acabam quebrando muito o ritmo do filme e apesar de isso não ser de fato um grande incomodo, vai tirar muita gente da imersão dessa história, mas provavelmente  isso foi proposital para passar aquela sensação mesmo de found footage real sobre série de TV.

Para quem curte mídias e projetos ao estilo found footage tipo Five Nights At Freddy's ou como aquele projeto Welcome Home, com certeza vão curtir a temática de Entrevista com o Demônio, pois apesar do filme não reinventar a roda, aborda o gênero de uma forma completamente inédita e criativa, o que é ainda mais louvável quando pensamos que é um projeto independente.


Late Night With The Devil / Foto: Diamond Films

Ingrid Torelli dá um show no papel da  garotinha possuída Lilly D'Abo! Apesar da idade, a atuação dela está no mesmo nível se não ainda maior do que a David no filme.  O filme acerta em desenvolver bem os personagens, desde o coitado do produtor Gus, até o vidente Christou, o cético e arrogante Carmichael Hunt e a pesquisadora June; todos desempenham muito bem seus papeis apesar do roteiro nitidamente apressado. 

O filme também aborda diversos temas relacionados à conspirações e ao bom e velho Satanic Panic (Pânico Satânico) que assolou os EUA, principalmente no retorno da era de bronze de Hollywood. No mundo real existiram casos como o de Charles Manson e um aumento de cultos justamente entre os anos 60 e 70, o que culminou numa série de produções, desde filmes à séries, jogos e até mesmo talk shows que tocavam nesse tema.

Além de filmes como Bebê de Rosemary, Suspiria, Mandy estrelado pelo Nicholas Cage entre outros filmes e nesse meio tempo, tivemos até talk shows que abordaram o tema como The Don Lane Show, que muito provavelmente foi a grande inspiração de Entrevista com o Demônio, já que esse programa teve um segmento que levou uma mulher que aparentemente tinha comunicação com o demônio. Foi a maior audiência desse programa australiano e o quadro foi intitulado 'satan quer você'!


Late Night With the Devil / Foto: Diamond Films

Na vida real, ainda durante os anos 70, existia a Igreja de Satan, criada por Anton Lavey! Ele foi por muitos anos amigo de várias celebridades e apresentadores de TV em Hollywood. Ele aparecia nesses programas justamente para desmistificar o satanismo e esse é outro ponto que entra na área de conspiração de Hollywood que diz que alguns poderosos de Hollywood apenas tem tanto poder devido à relação com Lavey e é por isso que entender o contexto histórico apenas enriquece ainda mais o filme. 

No geral, esse filme é apenas mais uma versão do conto da pata do macaco, onde  a moral da história diz que você precisa tomar cuidado com o que deseja, do contrário as consequências vão ser fatais. A mensagem dúbia nos momentos finais além do final aberto com certeza vão deixar o público confuso, afinal, será que tudo aquilo aconteceu mesmo ou foi fruto da imaginação de todos que estavam assistindo? Não dá pra saber, afinal, é a magia da TV, ou melhor, do cinema... Cabe ao público decidir o que foi real e o que não foi. 

NOTA: 8.5/10

0 comments:

Herege, novo terror da A24 estrelado por Hugh Grant, ganha data de estreia pela Diamond Films

 

Por Victoria Hope

A Diamond Films anuncia a aquisição e distribuição de “Heretic”, que no Brasil ganha o título HEREGE. Reconhecida por trazer filmes de terror de sucesso aos cinemas brasileiros, a distribuidora reforça seu line-up de 2024 com o longa estrelado por Hugh Grant e produzido pela renomada A24.

Herege é estrelado por Hugh Grant, como protagonista, e as atrizes Sophie Tatcher (“Boogeyman: Seu Medo é Real”) e Chloe East (“Os Fabelmans”). O filme tem direção e roteiro de Scott Beck e Bryan Woods, mesmos roteiristas da renomada franquia “Um Lugar Silencioso”.

A dupla de diretores Beck e Woods já assinou a direção de “A Casa do Terror” e “65 - Ameaça Pré-Histórica”. Hugh Grant, por sua vez, já participou de filmes renomados, como “Um Lugar Chamado Notting Hill” e “Vestígios do Dia”, além de ter participado de sucessos recentes como "Dungeons & Dragons,  “Glass Onion: Um Mistério Knives Out”, “Magnatas do Crime”, “As Aventuras de Paddington” e “Wonka”.

A trama de Herege é centrada na figura de duas missionárias que acabam presas dentro da casa de um homem bastante excêntrico (interpretado por Grant), sendo obrigadas a jogar um jogo que questiona a fé.

0 comments:

HQ Ciranda da Solidão - Edição Deluxe ganha lançamento

 

Por Victoria Hope

Publicada originalmente em 2013, Ciranda da Solidão foi uma HQ pioneira no Brasil ao trazer histórias com protagonismo queer feitas por um autor assumidamente gay. Cada conto é um pungente retrato sobre como lidamos com relações afetivas ao longo da vida, desde o despertar de nossa sexualidade na adolescência, passando pelos encontros e desencontros amorosos na vida adulta, até o inevitável fim na terceira idade.

Nesta nova edição temos um novo projeto gráfico e duas histórias inéditas, sendo uma delas ilustrada pela talentosíssima Luiza Lemos, um dos grandes nomes da cena de quadrinhos LGBTQIA+ no Brasil.

O amor é a mais bela das manifestações humanas e não deve ser repreendido só porque ele não se enquadra nos termos heteronormativos impostos pela sociedade. O amor deve ser celebrado onde quer que ele floresça. Não importa qual orientação sexual, identidade de gênero, etnia ou religião, todes nós somos seres solitários dançando a eterna ciranda em busca de afeto. 

Em 2013, publicar uma obra como esta era uma dança solitária, mas hoje em dia, já é possível existir um evento como a POC CON, onde uma infinidade de artistas queers estão trazendo cada vez mais diversidade e representatividade aos quadrinhos brasileiros e mostrando para muitos detratores que quem “lacra” pode lucrar muito sim.

É possível adquirir Ciranda da Solidão na Amazon ou através do site oficial do artista (www.masquemario.net/loja).



0 comments:

[Review] The Exorcism

 

By Victoria Hope

When the announcement was made about yet another exorcism film starring Russell Crowe, many imagined that this would be a sequel to the previous film by th star, 'The Pope's Exorcist', but both films deal with completely different universes and approeaches and it is just a coincidence that the same actor is in another film that addresses the same topic.

It is not quite clear who is behind the latest work choices of Crowe, who has already delivered masterpieces such as Beautiful Mind and Gladiator, but it is only known that in recent years, he has been involved in projects with a smaller budgets each time. 

That being said, 'The Exorcism', tells the story of a has-been actor who is battling more than just supernatural demons, but also internal demons such as addiction, depression and the feeling that his time has passed. One of the few things this film gets right is the character study aspect of the main character, but of course, it's all thanks to Russel Crowe who gives 200% of his effort and charisma to try and tell this story.


The Exorcism / Picture:  Miramax

The Exorcism starts very well, with a scene that manages to capture the audience's attention in the first few seconds and for a few minutes, the film really works well, with excellent performances on screen and a good dramatic load that promises to bring a good possession story to light, but from the middle to the end, that's where the problem begins.

The film tries to mix a lot of interesting ideas and concepts, but in the end, it doesn't quite have much to say and doesn't get there, which is unfortunate as the story had the potential to be an excellent retelling or even homage to the original Exorcist. At some point, the story gets lost and doesn't come back until the final seconds.

That being said, it's not a 'bad' film, but rather a film that needed more polishing and more story development. Perhaps the runtime was too short to develop this side, but if the story had focused more on th  family drama instead of just bringing unnecessary jumpscares at times, this could have been one of the most interesting horror films of the year. Had they focused on the main character and his child a bit more, maybe showing some bits of their past together, maybe this would be another story.

Rating: 7.5/10

0 comments:

Diamond Films revela primeiro trailer de Longlegs - Vínculo Mortal, o terror mais antecipado do ano


 Por Victoria Hope

No filme 'Longlegs-Vínculo Mortal', o vencedor do Oscar® Nicolas Cage interpreta o personagem-título, um serial killer que é perseguido por uma agente do FBI, Lee Harker (Monroe). Quando age, o matador costuma deixar pistas na cena do crime que a agente é a única capaz de decifrar. Porém, na medida em que a investigação avança, ela descobre uma ligação ainda mais assustadora com esse homem.

Descrito como uma combinação entre O Silêncio dos Inocentes e Seven – Os Sete Crimes Capitais, o filme combina uma história de investigação e horror sanguinolento com gosto pelo macabro. A produção de LONGLEGS – VÍNCULO MORTAL é assinada por Cage, Dave Caplan (Babilônia), Dan Kagan (Contra o mundo) e Brian Kavanaugh-Jones (Sobrenatural). Na equipe artística, nomes como o diretor de fotografia Andres Arochi (A Negociadora), os montadores Graham Fortin e Greg Ng, e o desenhista de produção Danny Vermette são destaques.

Longlegs- Vínculo Mortal',é a experiência de terror que nós estávamos esperando. É facilmente o filme mais assustador da década”, diz EJ Moreno, no Flickering Myth. O filme será lançado nos cinemas do Brasil pela Diamond Films no dia 29 de agosto.

Veja o trailer oficial:

0 comments:

Documentário nacional celebra trajetória e importância de Léa Freire ao cenário musical

 

Por Victoria Hope

Apesar do reconhecimento internacional de seu trabalho como música, chegando a ser comparada a Mozart e Debussy, a brasileira Léa Freire ainda não é conhecida pelo grande público de seu próprio país. O documentário A Música Natureza de Léa Freire, dirigido por Lucas Weglinski, chega para suprir essa lacuna, e levar o trabalho e a trajetória da artista para mais pessoas. Com distribuição da Descoloniza Filmes, o longa estreia nos cinemas em 18 de julho.

"A Villa-Lobos contemporânea", "A nova Tom Jobim", “A Hermeto de saias” são algumas das masculinas alcunhas que seguem Léa Freire, excepcional instrumentista popular, improvisadora de jazz, arranjadora e compositora sinfônica. Vanguarda da Música Brasileira instrumental e orquestral, universos ainda exclusivamente masculinos, machistas e misóginos, Léa quebra a barreira entre o erudito e o popular, criando uma sonoridade única, extremamente brasileira e ao mesmo tempo universal. O filme narra também um pouco da história da Música Brasileira na cidade de São Paulo e sua evolução dos anos 60 até hoje.

O filme aborda o apagamento das mulheres da nossa história, ainda mais quando são criadoras, inventoras de novas linguagens e novas formas. Falamos também sobre as origens afro-brasileiras de toda música nacional, inclusive a sinfônica. Resgatamos personagens que foram convenientemente ‘esquecidos’.  Esse filme é sobre o Brasil, sua riqueza, suas dores e delícias. A música e vida desta artista é apenas um caminho para falarmos da nossa cultura, nossa raiz, nossa terra”, explica o diretor.

Léa Freire / Foto: Caroline Bittencourt, Divulgação

O longa acompanha a história de um movimento musical descolonizador, contado por gerações de músicos brasileiros excepcionais (em sua grande maioria mulheres) e lendas do jazz internacional (Amilton Godoy do Zimbo Trio, Ali Ryerson, Keith Underwood e Jane Lenoir), através do retrato poético e musical de uma das mais conceituadas compositoras do mundo – mulher, brasileira – que vence o preconceito no universo de composição instrumental e sinfônica, e constrói uma obra fundamental, expressão profunda do múltiplo continente Brasil.

Neste filme saudamos as raízes, muitas vezes ignoradas ou esquecidas, da música brasileira, seja ela instrumental ou sinfônica, é fundamental celebrarmos sua ancestralidade, a fonte das águas bebidas por Léa Freire: Filó Machado, Alaíde Costa, Johnny Alf, Originais do Samba, Regional do Evandro, Manezinho da Flauta, enfim músicos a frente de seu tempo, inovadores, que desafiaram os padrões sociais e estéticos e fundaram uma nova cena musical brasileira e que devem ser lembrados com toda glória que merecem”, explica o diretor.

O longa é assinado por Weglinski, que tem em seu currículo filmes como o premiado Máquina do Desejo, cuja direção é assinada com Joaquim Castro, e foi exibido em diversos festivais brasileiros e estrangeiros, recebendo prêmios como Melhor Documentário - Los Angeles Brazilian Film Festival – 2022 e New York Tri State Film Festival – 2023, Melhor Música - Roma International Film Festival – 2023 e Prêmios no Japão, Índia, Coréia, entre outros. Além disso, foi exibido em festivais como Vision du Réel, In-Edit, Festival de Cinema Latino de São Francisco, Toronto Indie Festival, e Festival Internacional de Cinema de Bern.

A Música Natureza de Léa Freire será lançado no Brasil em 18 de julho pela Descoloniza Filmes.

0 comments:

No Dia do Cinema Nacional, Netflix lança coleção de filmes que marcaram a história do cinema brasileiro

 


Por Victoria Hope

Em comemoração ao Dia do Cinema Nacional, a Netflix lança hoje (19) uma coleção de filmes intitulada Simplesmente Cinema Brasileiro. Parte de campanha homônima, a seleção é dedicada a celebrar a rica e diversificada cinematografia do Brasil. A oferta vai de produções contemporâneas aclamadas pela crítica, a filmes populares em diversos gêneros até documentários renomados, e inclui títulos icônicos como Central do Brasil, Terra Estrangeira, Rio, 40 Graus, Jogo de Cena e São Paulo, Sociedade Anônima.

A coleção Simplesmente Cinema Brasileiro, assim como toda a campanha, reforça o empenho da Netflix em apoiar e promover o cinema nacional, destacando histórias locais e ampliando colaborações com talentos de nosso país. Como parte da celebração, a Netflix também anunciou parceria com Gabriel Martins, da produtora Filmes de Plástico, para o desenvolvimento do filme Vicentina Pede Desculpas. 

Gabriel é um cineasta visionário cujo trabalho reflete profundamente a autenticidade e a diversidade da cultura brasileira. Esta colaboração representa mais um passo significativo no nosso compromisso contínuo em apoiar o cinema local e levar histórias brasileiras autênticas para uma audiência tão ampla", disse o Diretor de Filmes da Netflix no Brasil, Gabriel Gurman.

Como parte desse compromisso, a Netflix também anunciou recentemente o desenvolvimento de dois novos filmes: Caramelo, que tem como estrela um dos maiores ícones da cultura brasileira, o vira-lata caramelo; e uma adaptação literária de O Diário de Um Mago, clássico de Paulo Coelho. 

Ainda este ano, chega também ao serviço o filme Saudade Fez Morada Aqui Dentro, do diretor Haroldo Borges, filme ganhador do Prêmio Netflix na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo em 2023. 

"Aspiramos ser o lar de uma variedade de filmes brasileiros de qualidade para as mais diversas audiências. Nossa oferta deve representar todo o potencial criativo, riqueza e diversidade do cinema nacional e contribuir para a formação de um público apreciador de filmes feitos no Brasil.", reforçou Gabriel.

Para acessar a coleção Simplesmente Cinema Brasileiro, basta que os assinantes visitem a página principal da Netflix em qualquer dispositivo (smartphones, tablets, televisões e pela web).

Confira abaixo alguns dos filmes que fazem parte da seleção:

Sem Coração (2023, dir. Nara Normande, Tião)

Diálogos com Ruth de Souza (2024, dir. Juliana Vicente)

Apaixonada (2023, dir. Natalia Warth)

Central do Brasil (1998, dir. Walter Salles)

São Paulo, Sociedade Anônima (1965, dir. Luís Sérgio Person)

Rio, 40 Graus (1955, dir. Nelson Pereira dos Santos)

Vidas Secas (1963, dir. Nelson Pereira dos Santos)

Jogo de Cena (2007, dir. Eduardo Coutinho)

Terra Estrangeira (1995, dir. Daniela Thomas, Walter Salles)

Mutum (2007, dir. Sandra Kogut)

Santo Forte (1999, dir. Eduardo Coutinho)

A Luz do Tom (2013, dir. Nelson Pereira dos Santos)

Uma Noite em 67 (2010, dir. Renato Terra, Ricardo Calil)

A Ostra e o Vento (1997, dir. Walter Lima Jr.)

As Canções (2011, dir. Eduardo Coutinho)

Últimas Conversas (2015, dir. Eduardo Coutinho)

Pacarrete (2020, dir. Allan Deberton)

Filhos de João: O Admirável Mundo Novo Baiano (2009, dir. Henrique Dantas)

Mamonas Pra Sempre (2009, dir. Cláudio Kahns)

No Intenso Agora (2017, dir. João Moreira Salles

Aquarius (2016, dir. Kleber Mendonça Filho)

A Dama do Lotação (1978, dir. Neville d'Almeida) - disponível em 20 de junho

0 comments:

Divertida Mente 2 | Começa a pré-venda venda de ingressos

 

Por Victoria Hope

Em 2015, o filme vencedor do Oscar® DIVERTIDA MENTE, da Disney e Pixar, transportou o público para a mente de uma menina chamada Riley para apresentar o universo das emoções.  Lá, conhecemos Alegria, Tristeza, Raiva, Medo e Nojinho, as emoções de Riley que conseguiram realizar uma operação de sucesso.

Nove anos depois, a ordem que reina chega ao fim. DIVERTIDA MENTE 2 volta a mergulhar na mente da agora adolescente Riley no momento em que a Sala de Comando passa por uma repentina demolição para dar lugar a algo totalmente inesperado: novas Emoções! Sejam bem-vindas Ansiedade, Inveja, Tédio e Vergonha.

Divertida Mente 2 / Foto: Disney

A volta do dream team das emoções

A nova história marca o retorno da Alegria, Raiva, Tristeza, Medo e Nojinho, a amada equipe de DIVERTIDA MENTE que fica completamente surpresa com a “renovação” na mente de Riley, fruto da adolescência. As Emoções que já conhecemos não sabem o que pensar dos recém-chegados e enfrentam o desafio de conviver com eles daqui pra frente. O trabalho mais difícil recai, talvez, nos ombros da Alegria, que está decidida a proteger o senso de identidade de Riley e ajudá-la a continuar sendo a garota feliz que ela conhece e ama tanto.

Jonas Rivera, produtor executivo, diz: “A Alegria gosta que as coisas continuem como sempre foram. Ela é do tipo que diria ‘o último verão foi melhor de todos, não é?’. A gente sempre ri pelo fato de que terminamos o primeiro filme com a Alegria esquecendo de todas as lições que acabara de aprender. Este segundo filme nos dá a oportunidade de mostrá-la aprendendo uma nova lição em um estágio muito diferente da vida de Riley”.

Confira o trailer oficial:



0 comments:

Com record de público, Poc Con 2024 se consagra como a feira geek mais colorida do ano

 

Por Victoria Hope

Aconteceu nesse feriado a Poc Con, a maior feira de quadrinhos e arte LGBTQIAP+ do Brasil, que acontece anualmente no Centro Cultural de São Paulo e a cada ano recebe mais visitantes de todo o Brasil e do mundo. 

A cada ano que passa, a Poc Con recebe um público cada vez maior e mais artistas de diversas regiões brasileiras; todos com estilos bem distintos, o que contribui ainda mais para a diversidade do evento que só tem a crescer cada vez mais e se tem uma palavra que pode definir a Poc Con a cada ano que passa é: Acolhedora! É como um abraço de um amigo querido que te entende e te contempla! É um local onde as pessoas podem ser quem elas são sem medo de julgamentos e que presente é poder se sentir contemplado!

Esse ano a programação contou com os tradicionais workshops de arte, conversas com grandes nomes da arte nacional, sessão de autógrafos e concursos cosplay! Após sucesso da edição de 2023, o evento criado pelos artistas Rafael Bastos e Mário César, retornou em grande estilo ao CCSP (Centro Cultural São Paulo) nos dias 31 de maio e 01 de junho de 2024, com espaço ampliado para comportar o número ainda maior de público! A expansão dessa vez tomou quase conta do Centro Cultural inteiro na parte interna para comportar tanto um número maior de artistas, como o número maior de visitantes.

Dentre as novidades desse ano, estavam as áreas de flash tattoo no subsolo e um novo espaço para autógrafos, localizado bem pertinho de um dos corredores mais concorridos do artist's alley, além de espaços instagramáveis com o logo do evento tanto na parte externa do CCSP quanto na parte interna, incluindo uma ativação incrível onde visitantes podiam levar fotos da Instax reveladas na hora gratuitamente! 


Mesa do Alley com presença dos criadores do evento, Mário Cesar e Rafael Bastos
Esse ano o evento contou com novos artistas no alley, além de rostinhos já conhecidos e consagrados no mercado! Havia uma multitude de estilos e produtos para todos os bolsos e gostos, o que apenas reforça a diversidade que é um dos focos principais da Poc Con.

A praça de alimentação ganhou novidade esse ano, a loja de doces Moony Cakes
Na praça de alimentação, os visitantes encontrara pizzas preparadas na hora, além de uma infinidade de doces, desde opções comuns à doces veganos temáticos de fandoms! O ideal é  que o evento expanda cada vez mais opções, mas vale lembrar que o CCSP também abriga restaurante no local.
Bate-Papo sobre Arte e Empreendedorismo com artistas nacionais

Além de workshops voltados à artes, o público também pôde conferir diversos painéis temáticos com convidados mais do que especiais. Durante o dia, artistas de todas as regiões subiram aos palcos para um bate-papo descontraído com o público, seja sobre empreendedorismo e arte, até mesmo uma conversa sobre a criação de quadrinhos autorais, a relação de criadores com o polêmico tema da I.A (inteligência Artificial), mangás brasileiros e muito mais.

Cosplayer de Biba do Castelo Rá-Tim-Bum adorou estrear o cosplay no evento
E é claro que cosplayers não faltaram pelos corredores do evento! Foram muitos temas, desde o queridinho do momento, X-Men 97, até Genshin Impact, Heaven's Blessing (novel chinesa), Naruto e muito mais! Como sempre, os cosplayers foram um show a parte e tornaram o evento ainda mais especial.

Produtos oficiais da Poc Con
Como tradição, o público também pôde adquirir produtos oficiais da Poc Con seja através dos ingressos Super Poc ou através de compra direta no estande especial do evento localizado na área externa, ao lado das principais editoras indie brasileiras.

Estande da Evolukit
Outra novidade da Poc Con '24, foi o estande da Evolukit, que trouxe uma infinidade de atividades para o público, desde sessões de autógrafos com Marcelo Hum, artista de X-Men, roda da fortuna com direito a diversos brindes com temática de Pride, fundo fotográfico com temática de X-Men e sorteito de móveis!

Laerte durante sessão de autógrafos super concorrida
Uma das sessões de autógrafos mais concorridas sem dúvidas foi a sessão com Laerte, uma das quadrinistas mais antigas e icônicas nacionais! Com distribuição de senhas uma hora antes da sessão, a fila dobrava a esquina dentro da área interna do evento, mostrando o amor do público brasileiro por essa e outros artistas nacionais fantásticos!

Editora Morro Branco esteve presente no evento
Para amantes de literatura, diversas editoras tradicionais também marcaram presença no evento, desde a Morro Branco à JBC entre outras que trouxeram títulos com temáticas 100% LGBTQIAP+, trazendo descontos progressivos que o público dificilmente encontra em lojas físicas ou virtuais!

Personagens originais de mangá brasileiro intitulado 48km
Uma das maiores editoras indie nacionais, a Indievisivel Press, marcou presença no evento pelo quinto ano, trazendo novos mangás nacionais, além de títulos consagrados como Lampião e 48 km, mangás nacionais considerados best sellers premiados!

Concurso cosplay que aconteceu na sexta
O tradicional concurso 1001 Noites de Cosplay não poderia faltar, premiando os três cosplays favoritos da noite, sendo Pinguin de Batman a levar o troféu de primeiro lugar, seguido pela Rainha de Copas de Alice no País da Maravilhas e o terceiro lugar para Hua Cheng de Heaven's Blessing! Mas o concurso não parou por aí! A campeã Miss Simpatia foi a Branca de Neve

Concurso Lip Sync aconteceu no sábado lotando a arena do CCSP
E pra fechar a programação com chave de ouro, a principal programação da tarde ficou por conta do concurso Cosplay Lip Sync challenge onde cosplayers puderam dublar suas músicas escolhidas vestindo seus personagens favoritos! A competição foi acirradíssima e ao final, os grandes vencedores foram a dupla de Naruto e Sasuke em primeiro lugar, Mulher Gato de Batman em segundo e Jubileu de X-Men em terceiro lugar! 

Por hoje é só, esperamos que tenha curtido a cobertura desse ano! Nos vemos no ano que vem para um evento que com certeza só tem a crescer e expandir cada vez mais e esperamos ver todos vocês na próxima edição! Siga a Poc Con nas redes sociais e não perca todas as novidades sobre o evento para não perder a oportunidade de conhecer e fazer parte do evento mais colorido do Brasil no próximo ano!


0 comments: